Curiosidades / Pontos Turísticos

Conheça a história e cultura do Tibet

ago, 12

Pouco conhecido pelas pessoas em geral — e até mesmo entre aqueles que viajam muito —, o Tibet é um país de grande beleza natural e com costumes e tradições que surpreendem e encantam os turistas.

flickr.com / Dennis Jarvis O Tibet é um país cheios de mistérios e tradições que irão surpreender seus visitantes.

Localizado no centro do continente asiático, o Tibet faz fronteira com a Índia, Mianmar, Butão, Nepal e com a gigante China. A proximidade com a China é um fator crucial ao longo toda a história do país, especialmente por conta dos diversos conflitos territoriais entre as duas nações. Atualmente, o Tibet é um território sob o domínio chinês, e vive uma disputa para declarar sua independência plena.

O que visitar no Tibet 
Chamado de “teto do mundo”, o Tibet é uma das regiões mais altas do planeta, e a altitude pode chegar a 4.900 metros.  Bem na fronteira entre a China e o Tibet, está localizada a cordilheira do Himalaia que, por sua vez, abriga a montanha mais alta da Terra: o Monte Everest, que sempre vale a penha dar uma olhada.

flickr.com / Göran Höglund O Tibet está localizado em umas regiões mais altas do mundo, próximo ao Monte Everest.

Outro passeio interessante é visitar a cidade de Lhasa e o deslumbrante Potala Palace, antiga residência oficial do Dalai Lama — chefe religioso supremo do Tibet. Lá, funciona um museu que conta a história dos povos vizinhos por meio de documentos, artefatos seculares e muitas outras surpresas que só visitando para conhecer. Desde 2000, o local é considerado patrimônio mundial da humanidade pela UNESCO.

Outra boa sugestão de passeio para quem planeja viajar para o Tibet é o condado de Zaya County, na região sudeste. As cadeias de montanhas e o clima subtropical do local garantem ótimas opções de lazer: o turista pode conhecer os montes e ainda experimentar a rica e exótica culinária tibetana.

Indo mais para o leste do Tibet, na província de Nyinchi, uma floresta primitiva encanta os visitantes. As folhas roxas das árvores criam um visual impressionante e bem característico da região. Ainda no leste, Daocheng apresenta grande diversidade de paisagens aos pés das montanhas cobertas de gelo. Um contraste lindo e digno dos mais perfeitos cartões postais.

flickr.com / steve lau Esse é um café da manhã comum no Tibet, Sopa, chá e torta.

Cultura e culinária do Tibet
A maioria dos tibetanos segue uma religião que mescla o budismo tradicional com uma visão particular do país: o budismo-tibetano, conhecido como “Bon”. Entre as particularidades dessa religião, vale destacar o “Chörten”, local onde os corpos cremados recebem diversas homenagens. Há anos, essa tradição sobrevive ao domínio chinês e é muito valorizada no país.

Ficou interessado? Confira nossos pacotes de viagem para o Tibet.

 

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *