http://Logo%20Adventure%20Club Adventure Club
+55 11 5573-4142
Blog / Ecoturismo

Aurora Boreal: a experiência de caçar luzes no céu

out, 21

A aurora boreal, um dos fenômenos naturais mais fascinantes do mundo, ocorre quando ventos solares entram em contato com o campo magnético da Terra. Quando os elétrons de um gás chamado plasma partem do sol e colidem com a nossa atmosfera, que é composta, principalmente, por oxigênio e nitrogênio, eles emitem uma luz visível de acordo com diferentes comprimentos de onda, criando as cores que conseguimos enxergar.

Por que diferentes cores?

As cores da aurora boreal podem variar entre verde, vermelho, azul, amarelo, violeta e rosa. O oxigênio é responsável por emitir o verde-amarelado e o vermelho. O nitrogênio geralmente emite luz azul e violeta. Já o amarelo e o rosa são uma mistura de vermelho e verde ou vermelho e azul.

A altitude e a latitude também influenciam na composição das cores: a luz verde se origina em altitudes de 120 a 180 km e em latitudes mais altas, como na Islândia e na Noruega, por exemplo. A luz vermelha ocorre em altitudes ainda mais elevadas comparadas às verdes e, às vezes, em baixas latitudes. Já o azul e o violeta ocorrem principalmente em altitudes abaixo de 120 km. 

Onde e quando observar aurora boreal?

É possível contemplar a aurora boreal em países do extremo norte, como Noruega, Islândia, Finlândia, Suécia, Groenlândia, Alasca (Fairbanks), Canadá (Yellowknife, Whitehorse e Churchill) e Rússia (Murmansk).

Segundo Marco Brotto – O Caçador de Aurora Boreal ®, o fenômeno é igual em todos os lugares, mas pode acontecer de a atividade chegar com mais força em um determinado local e o fazer parecer mais propício para o fenômeno.

A melhor época para ver as luzes coloridas dançantes no céu é entre setembro e início de abril, que correspondem ao outono e inverno no hemisfério norte. Ainda segundo o especialista, o problema em relação ao verão é a luz no céu, que dificulta a experiência. 

Esperar pelo fenômeno ou ir à sua “caça”?

Mesmo que a noite esteja ideal para observar esse espetáculo da natureza – com o céu totalmente limpo – não há como garantir que a aurora boreal irá aparecer.

Você pode se deslocar a um determinado local e esperar até que a aurora apareça, um tipo de passeio que funciona mais ou menos assim: se ela aparecer, você tirou a sorte grande e poderá contemplá-la, caso contrário, o grupo deixa o local, e o investimento para essa experiência é perdido. 

Ou você pode optar por realizar a caça à aurora boreal, termo curioso para descrever essa experiência, que funciona exatamente assim: uma verdadeira caça. Marco Brotto ®, referência nesse tipo de experiência, começa a avaliar com 28 dias de antecedência qual será a dinâmica durante a missão para garantir que os viajantes consigam observar as luzes no céu o máximo possível.

É importante deixar alguns dias seguidos exclusivos para essa experiência para que, caso na primeira ou na segunda tentativa o encontro não aconteça, você tenha mais chances de ver essa mágica acontecer. E quando acontece, o céu, de repente, é tomado por luzes que se movimentam como se estivessem dançando, cheias de expressão e cores!

Vamos à caça da aurora boreal?

Quando a aurora boreal aparece, o céu, de repente, é tomado por luzes que se movimentam como se estivessem dançando, cheias de expressão e cores. Quando você se dá conta, acaba de presenciar um dos maiores espetáculos que a natureza é capaz de apresentar! 

Fale com a nossa equipe de especialistas e programe a sua experiência com aurora boreal!

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Você também pode gostar de ler

    Fale por Whatsapp