Curiosidades

Confira onde é a nascente do Rio Amazonas

abr, 12

O Rio Amazonas é o segundo rio mais extenso do planeta, com mais de 6.992 quilômetros de extensão e mais de mil afluentes. Em âmbito mundial, trata-se do rio com o maior fluxo de água por vazão: ao todo, são cerca de 315 mil metros cúbicos de água por segundo, na região da foz, na estação cheia.

Por muito tempo, a nascente do Rio Amazonas era apontada como o Lago Lauri (ou Laurirocha), na parte peruana da Cordilheira dos Andes. Porém, em 2007, uma expedição patrocinada pela National Geographic Society identificou o Nevado Mismi — um monte de origem vulcânica, com 5.567 metros de altitude — como a nascente do Amazonas.

Rio Amazonas

iStockphoto.com / Rafal Cichawa Rio Amazonas no Brasil.

Porém, alguns estudiosos do Brasil e do Peru discordaram que o Nevado Mismi fosse a nascente do Amazonas e, após analisar imagens de satélite, identificaram o córrego Carhuasanta como o verdadeiro ponto de origem do rio. O Carhuasanta é alimentado justamente pelo derretimento da neve do monte Nevado Mismi.

VIAJAR POR CONTA PRÓPRIA OU POR UMA AGÊNCIA DE TURISMO

Baixe nosso infográfico: Viajar por conta própria ou por uma Agência de Turismo?

Onde o Rio Amazonas entra em território brasileiro?

Na nascente, o rio Amazonas é batizado de Vilcanota. Depois, recebe nomes diferentes, como Uicaiali, Urubamba e Marañón. Após sair do Peru, passa pela Colômbia antes de entrar no Brasil e desaguar no Oceano Atlântico. Sua enorme bacia hidrográfica inclui outros países, como Bolívia, Equador, Venezuela e Guiana.

É exatamente no município de Tabatinga (AM) que o Rio Amazonas entra em território brasileiro, a 60 metros de altitude, percorrendo quase 3 mil km em uma região de planície até que, finalmente, chegue ao Atlântico.

Já no Brasil, ele recebe o nome de Solimões e no encontro com o Rio Negro, próximo a Manaus, tornam-se um só. A paisagem que essa união proporciona, inclusive, é uma das mais belas do país. Cada um possui uma característica própria e, no momento que se juntam, há uma miscigenação de águas e cores incrível, vale a pena ver de perto.

Rio Amazonas

flickr.com / Jorge Láscar O rio Urubamba é um dos nomes que o rio Amazonas recebe ainda no Peru. Sua nascente é chamada de Vilcanota.

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *