Dicas de Viagem

Gestos com as mãos e seus significados em diferentes culturas

dez, 17

Imagine a seguinte cena: você está na Tailândia e faz um gesto com o polegar como sinal de “OK” a alguém, sem saber que o sinal pode ser interpretado como algo extremamente ofensivo. Para evitar constrangimentos desse tipo enquanto viaja, é importante conhecer o que os gestos com as mãos querem dizer em diferentes culturas:

flickr.com / ~dgies Conhecido no Brasil como sinal de boa sorte, o gesto de cruzar os dedos é considerado obsceno no Vietnã.

Joinha

Apesar de no Brasil, Estados Unidos, Rússia, Austrália e outros países o sinal ser considerado sinônimo de “positivo”, em países como Tailândia, Bangladesh e Irã ele significa o mesmo que mostrar o dedo do meio aqui no Brasil.

Sinal da vitória

Brasil, Estados Unidos e Canadá popularizaram este símbolo como um sinal de sucesso ou de “paz e amor”. No Reino Unido, Austrália, Nova Zelândia e África do Sul, tenha cuidado: feito com a palma da mão para fora, o símbolo é uma maneira de ofender alguém.

Chamar alguém com o indicador

Símbolo de “venha aqui”, bastante utilizado em diversas situações no Brasil, nas Filipinas o gesto é utilizado apenas para chamar cachorros. Faça isso com uma pessoa e você correrá o risco de ser interpretado de forma negativa.

Dedos Cruzados

Conhecido no Brasil como sinal para atrair boa sorte, o gesto tem o mesmo significado no Reino Unido e Estados Unidos. Já no Vietnã, é considerado obsceno.

Palmas das mãos para fora

Por aqui, estender o braço com a palma das mãos para fora é um sinal de “pare”. Na Grécia, não é bem assim: o gesto é considerado extremamente ofensivo.

Círculo com os dedos

Na América Latina se trata de um gesto obsceno, mas entre mergulhadores pelo mundo é o símbolo para mostrar que está tudo bem. Nos Estados Unidos, serve como sinal de “OK”. Já na França, atenção: o significado é “zero”, ou seja, ao fazê-lo você pode estar mostrando desprezo por alguém ou algo.

Hang Loose

Popular na cultura surf, o sinal é originário do Havaí na década de 1960, onde foi criado para simbolizar positividade, solidariedade e amizade. No Caribe, porém, o gesto pode fazer significar uma oferta sexual.

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *