Curiosidades

Costumes Japoneses — Aprenda os Principais Para Não Passar Nenhuma Saia Justa em Sua Viagem

nov, 30

Tradições milenares, um povo conhecido por sua educação de qualidade e recursos tecnológicos de ponta. Não à toa, o Japão é um dos destinos mais procurados por pessoas que desejam fazer viagens diferentes e interessantes. Pensando nisso, listei alguns costumes japoneses para você ficar ainda mais encantado com o local.

Confira tudo o que vai fazer você sentir ainda mais vontade de começar a preparar as malas agora mesmo e pegar o próximo vôo para o território nipônico!

Curiosidades e costumes japoneses para se surpreender

O melhor de fazer uma viagem é poder ter uma imersão cultural e apreciar tudo o que o lugar tem a oferecer. Certamente teremos muitas oportunidades para falar sobre roteiros de viagem para o Japão, bem como de passeios interessantes. Contudo, a ideia hoje é abordar costumes japoneses que são responsáveis por cativar a todos que têm o prazer de apreciá-los de perto.

Encante-se com os detalhes da rotina desse povo tão cativante e surpreendente!

1. Cordialidade é palavra de ordem

Muito é falado sobre a seriedade japonesa. As pessoas são tradicionais e seguem à risca costumes que são milenares. Porém, isso não significa que sejam um povo frio. A calorosidade tão típica brasileira não aparece por lá, porém, educação e cordialidade são palavras de ordem.

Pedir informações, ter atendimento em estabelecimentos diversos e qualquer outra situação que envolva o contato com as pessoas vai ser muito simples, pois estarão dispostos a ajudar de forma cordial.

Nas grandes cidades, as placas estarão em inglês e, embora o inglês seja um dos idiomas da grade escolar, nem todos os locais conseguem se expressar ou conseguimos entender. Porém, ainda assim, as pessoas farão de tudo para ajudar o turista, seja desenhando, escrevendo ou até levando a pessoa a algum ponto mais fácil.

2. Trem e bike são boas opções de transporte

Andar de táxi é um pouco caro, por isso, boas opções são pegar trem e até mesmo andar de bicicleta, em algumas cidades.

O mapa da linha de metrô e trens de Tóquio pode até parecer indecifrável, mas logo vai perceber que a principal estação — Tokyo Station — é circular e, a partir dela, poderá seguir para outras direções.

O melhor é que você não precisa se preocupar em levar corrente de segurança. Pode parar sua bike na região apropriada e ir passear. Quando voltar, independentemente do tempo passado, ela estará lá.

Os japoneses não têm medo de roubo de itens, pois o país tem uma taxa de criminalidade baixíssima. O transporte de bicicleta continua sendo um dos principais mesmo no inverno, pois as pessoas limpam a neve das estradas para se deslocarem.

3. Nada de lixo no chão

Uma das boas surpresas que tive sobre costumes japoneses foi ver como as ruas são limpas e bem cuidadas. Não é preciso ter lixeiros em todos os lados, pois as pessoas compreendem que se precisam jogar algo, podem guardar e descartar quando chegarem em casa ou em algum estabelecimento.

Além disso, em algumas cidades, há multa para quem faz o descarte na rua ou até mesmo cospe no chão. Sim, eles são muito detalhistas e isso faz a diferença no resultado final. Ao chegar lá, verá como tudo está em ordem e limpinho para receber turistas e para o bem-estar dos moradores.

4. Superstições milenares

Existem algumas superstições que perduram por muitos anos. Uma delas é que não acham que cortar unhas à noite é uma boa ideia. Acreditam que pode trazer má sorte e encurtar a vida.

No luto veste-se com a cor branca e é indicado espetar o hashi no bolinho de arroz, portanto, não se deve fazer isso em um restaurante, já que é um ritual cumprido em funerais.

Por outro lado, comer mochi (doce de arroz) na virada do ano traz bons presságios, bem como utilizar o número oito para diversas finalidades.

Sobre o café da manhã japonês, se é apaixonado por pão e café com leite, pode esquecer! Normalmente, é servido um caldo de pasta de soja, arroz branco e algumas conservas. Porém, nas lojas de conveniência, ou mesmo nos mercados, vai encontrar opções mais ocidentais, caso não queira se aventurar na gastronomia local completamente.

Lembre-se também de que, ao tomar sopa ou os famosos noodles, é imprescindível fazer barulho, pois é sinal de que está delicioso.

5. Espiritualidade tem valor

O povo japonês valoriza a espiritualidade. O budismo é marcante na região e, inclusive, o Monte Koya é conhecido como berço da religião. Portanto, se deseja visitar lindos templos e até mesmo ficar em mosteiros para acompanhar a prática dos monges, esta é uma ótima opção.

Onde ir e com quem contar?

Tóquio é incrível e reserva surpresas para quem deseja apreciar os costumes japoneses de perto, provar comidas de rua e ver como a cidade se movimenta. Além disso, amantes de arte contemporânea precisam ir à Naoshima.

Caso faça um perfil mais aventureiro, ainda poderá fazer um belo mergulho em Okinawa e conferir o maior atrativo, que é o grande aquário com tubarão-baleia. Luxo e sofisticação também têm vez! Que tal um passeio de trem no elegante Shiki-shima?

Para dicas mais direcionadas ao seu perfil e tudo sobre melhor época, roteiro e muitos outros detalhes específicos, conte com a Adventure Club. Entre em contato e obtenha o melhor em matéria de personalização de experiências para sua viagem ser inesquecível!

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar de ler