http://Logo%20Adventure%20Club Adventure Club
+55 11 4750-2537
Blog

Pequenas comunidades, grandes causas: ajuda aos artesãos de Novo Airão

abr, 29

A divulgação das comunidades que vivem exclusivamente do turismo e hoje estão precisando urgentemente de ajuda ao redor do Brasil, iniciada com os condutores de visitantes da Serra da Capivara e nosso parceiro Giordanno, em poucos dias teve uma repercussão muito positiva, o que nos dá força e fé de dias melhores.

É muito gratificante podermos contribuir de alguma forma com pessoas que hoje se veem tão desamparadas e, por isso, seguimos em contato com outros parceiros da Adventure Club. Nossa ideia é abraçar cada vez mais causas e ajudar o máximo que pudermos, seja financeiramente ou trazendo mais atenção e destaque a elas e às suas necessidades neste momento.

Hoje, queremos falar um pouco a respeito de outra comunidade que depende muito do turismo para sobreviver: os artesãos de Novo Airão, município no Amazonas. O trabalho do grupo é desenvolvido junto à Fundação Almerinda Malaquias (FAM), que foi criada com o propósito de implantar um centro de educação e formação profissional para a população de Novo Airão.

Todas as atividades são realizadas de forma sustentável. O trabalho dos artesãos é feito a partir do reúso de sobras de madeiras amazônicas nobres, que seriam descartadas pela indústria, e gera renda para 40 famílias. Porém, como a exposição de artesanato requer a presença e circulação de turistas na cidade, há muitos dias estão sem vender.

Apoie essa causa

Então, a fim de preservar o trabalho e a renda do grupo, foi criado um e-commerce de emergência com os produtos feitos pelos artesãos. Se você quiser conhecer e adquirir algum item, clique aqui.

Se antes esse projeto já tinha um propósito e tanto, agora nem se fala, né?

Lembrando que, mesmo que você não possa ajudar financeiramente, você pode compartilhar essa campanha com familiares e amigos. Vamos juntos espalhar essa corrente do bem!

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Você também pode gostar de ler

    O Pantanal pede socorro

    Onças-pintadas lutam para sobreviver Apesar de terem sido extintas em diversas áreas do território brasileiro, as...

    Fale por Whatsapp