Pacote de viagem para
Ilha de Marajó

Roteiros inicio

Grande em tamanho e atrações

Mais de 40 mil km2 delimitados por águas do Oceano Atlântico e dos rios Amazonas e Tocantins. A sucinta descrição das características territoriais da Ilha de Marajó deixa claro, de imediato, que esta não é uma ilha qualquer. A maior do país é também a maior fluviomarinha do mundo. Grande em tamanho, não deixa por menos em relação ao que abriga. Praias desertas, igarapés e o maior rebanho de búfalos do Brasil são amostras das belezas naturais locais apreciadas sem dificuldade. Nem tão fácil assim de observar são os resquícios da cultura indígena marajoara, que viveu ali antes da chegada dos portugueses e desapareceu misteriosamente, deixando, como legado para a região, o maior acervo de descobertas arqueológicas de toda a bacia amazônica. Alie a isso o fato de Marajó ser acessada a partir de Belém, que reúne conjunto arquitetônico preservado da época da colonização portuguesa e fortes influências indígenas, e pronto: você cria um roteiro que contempla cultura, história, paisagens de tirar o fôlego e uma natureza que, de tão exótica, parece intocada.

Melhor Época de Viagem para Ilha de Marajó

Antes de viajar, escolha bem a época, já que calor e chuvas são características comuns do Pará se intercalam no calendário. No primeiro semestre chove quase todos os dias, alagando campos e florestas e impedindo algumas travessias. A vantagem é que a temperatura fica mais amena. No resto do ano, no período de seca, os termômetros batem facilmente os 40 graus. O consolo é que a água já baixou e fica mais fácil circular pela região. No mês de julho, agradável e concorrido, os turistas lotam a orla da praia do Pesqueiro

Roteiros de viagem para Ilha de Marajó

Belém, Ilha de Marajó e Alter do Chão

Periodo:
10 Dias | Até Jun 2018
A partir de:
R$ 4.644,00

Belém, Algodoal, Marajó e Alter do Chão

Periodo:
12 Dias | Até Jun 2018
A partir de:
R$ 9.684,00

Belém e Ilha do Marajó

Periodo:
6 Dias | Até Jun 2018
A partir de:
R$ 2.301,00

Grandes Cenários Amazônicos
13 dias

Periodo:
13 Dias | Até Jun 2018
A partir de:
R$ 6.655,00

Conjugado
Paisagens Amazônicas
Anavilhanas Jungle Lodge

Periodo:
9 Dias | Até Dez 2017
A partir de:
R$ 6.313,00

Paisagens Amazônicas, Belém e Ilha do Marajó – 9 dias

Periodo:
9 Dias | Até Jun 2018
A partir de:
R$ 5.112,00

Belém com Ilha de Marajó Selvagem

Periodo:
8 Dias | Até Jun 2018
A partir de:
R$ 4.890,00

Belém & Ilha de Marajó:
Workshop de Fotografia

Periodo:
8 Dias | 22 a 29 Out 2018
A partir de:
R$ 6.610,00

ENERGIA ELETRICA:
220 Volts

TELEFONES:
DDD 91

DINHEIRO/BANCOS:
Não há caixa do Banco 24horas na Ilha de Marajó, apenas do Banco do Brasil (BB) e do Banco da Amazônia.

GASTRONOMIA:
O prato mais conhecido chama-se Filé à Marajoara e lembra um pouco o Filé a Parmegiana, pois vem com queijo de búfala derretido. Fugindo da tradição, há Filés à Marajoara regados com molhos também. Geralmente são de uma fruta (cupuaçu, goiaba, ou manga rosa) com extrato de tomate.

Outra receita que vem da carne do búfalo é o Frito do Vaqueiro. Bastante comum, o prato leva a Pá (parte dianteira do animal). A carne é cortada em quadrados, deve ser gorda e ter bastante sal. É comum ser cozinhada no fogão de lenha em grandes quantidades. O prato é gorduroso e deve ser pedido com antecedência aos restaurantes da região. Como a carne-seca, fica fora da geladeira.

Outro prato regional e um tanto exótico é o Caldo de Turu. Trata-se de uma sopa desse molusco, da família da ostra. O interessante é a forma como ele é retirado da natureza, pois o turu cresce dentro da madeira morta que fica na beira da praia, ao contrário da ostra, que fica dentro de uma concha. Lembra uma pequena cobra que pode atingir até 40 cm. O pescador de Turu tem que cortar o tronco para a retirada do molusco.

Há alguns restaurantes típicos, principalmente em Soure. No entanto, os melhores restaurantes na região ficam nos hotéis. Há ainda diversos quiosques nas praias que servem caranguejo, peixe e, às vezes, Caldo de Turu.

DOCUMENTOS
Para brasileiros é necessário somente carteira de identidade (RG) original para embarque e para crianças menores, Certidão de Nascimento original. No caso de crianças desacompanhadas, autorização reconhecida em cartório com foto em duas vias.
Para estrangeiros, passaporte válido ou RNE.

VACINAS
Importante, as vacinas devem ser tomadas com antecedência, no caso da vacina contra febre amarela, até 10 dias antes da viagem.
Para não ser surpreendido com a falta de alguma delas, procure os hospitais.
– Hospital Emílio Ribas: Av. Dr. Arnaldo, 165. Atendimento de Seg. a Sex., das 12h30 as 15h. Ligue para agendar: 55 (11) 3896 1366
– Hospital das Clínicas: Av. Dr. Enéas de Carvalho Aguiar, 255. Atendimento de Seg. a Sex., das 07h30 às 15h.

Atenção: Desde o dia 1º de junho de 2008, as vacinas contra febre amarela NÃO são mais aplicadas nos postos da Anvisa em Aeroportos e Portos do Estado de São Paulo. Nestes locais serão realizadas somente transcrições de certificados nacionais para internacionais. Para mais informações e esclarecimento de dúvidas, dirija-se ao posto de saúde mais próximo ou consulte o Ambulatório de Medicina do Viajante: 55 (11) 5084-5005, localizado na Avenida Borges Lagoa, 770. É importante ligar para agendar uma visita.

Nome: Suzana Kazue Takahashi Sampaio e Leticia H T S Sampaio

Data: 07/07/2015

Destino: Pacotes de Viagem para o Pará – Pacote de Viagem para Ilha de Marajó

Mensagem:
Oi Amanda!
Obrigada pela atenção e carinho de todos vocês. Só abri as mensagens hoje, deu para perceber que tudo está correndo maravilhosamente bem. Retornaremos para SP amanhã, dia 15. Em agosto estarei aí para contar (só elogios) da viagem.
Manaus, Belém e Marajó são lugares magníficos.
Atingiu além das expectativas, todo pessoal muito atenciosos e amáveis.

Até a volta e próximas viagens.

Obrigada novamente! Vocês acertaram em cheio a nossa viagem. E nós também! acertamos com a escolha certa da agência de viagem.

Beijos
Suzana e Letícia