Adventure Club
+55 11 5573-4142
Blog / Retomada pós Covid-19

Países para onde brasileiros já podem viajar

jul, 08

Com o avanço da vacinação no Brasil e no mundo, os casos de Covid-19 vem diminuindo significativamente, e isso dá esperança e estímulo para novos planejamentos de viagem. Embora alguns países continuem com suas fronteiras fechadas, outros iniciaram o processo de reabertura e retomada de voos internacionais. Confira abaixo os países em que a entrada de brasileiros já está permitida e se atente às exigências específicas de cada um.
Texto atualizado em 05/10/2021

Países abertos para brasileiros 

AMÉRICAS:

Argentina: Brasileiros estão autorizados a entrar no país com alguns requisitos: necessário apresentar comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (todas as vacinas aplicadas no Brasil são aceitas), teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque ou um teste de antígeno realizado na chegada ao país, além de outro teste RT-PCR colhido entre o 5º e o 7º dia de viagem.

Bolívia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque (não se aplica para menores de 5 anos), preencher um formulário de saúde e apresentar na chegada ao país, além de seguro viagem com cobertura para Covid-19. Atenção: todos os passageiros estão sujeitos a quarentena de 10 dias na chegada ao país e a realização de um novo teste no 7° dia (as custas do viajante).

Canadá: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (vacinas aceitas: AstraZeneca, Janssen, Moderna ou Pfizer – a partir de 12 anos), além do preenchimento de formulário (72hs antes do embarque) através do aplicativo ArriveCAN.

Colômbia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 96hs antes do embarque e preencher um formulário de saúde para apresentar na chegada ao país.

Costa Rica: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 96hs antes do embarque, preencher o Pase de Salud e apresentar o QR Code gerado, na chegada ao país. Além de seguro viagem com cobertura para Covid-19 (seguro não obrigatório para os totalmente vacinados há 15 dias, porém é necessário para os vacinados com Coronavac, pois a vacina não é aplicada no país).

Equador: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (todas as vacinas aplicadas no Brasil são aceitas) e apresentação de formulário de saúde na chegada ao país. Brasileiros estão sujeitos a realização de um novo teste e quarentena de 10 dias (as custas do passageiro). Para entrada em Galápagos, além dos requisitos citados também será necessário o reenchimento de um formulário de controle de trânsito.

México: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 96hs antes do embarque e preencher um questionário de identificação de fator de risco para apresentar na chegada ao país.

Perú: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (todas as vacinas aplicadas no Brasil são aceitas) e preencher um formulário de saúde para apresentar na chegada ao país. Obs: menores de 12 anos devem apenas portar um atestado médico de boa saúde.

Turks & Caicos: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (AstraZeneca, Janssen, Moderna ou Pfizer – a partir de 16 anos) e autorização de entrada através da plataforma TCI Assured (24hs antes do embarque), além de seguro viagem com cobertura para Covid-19.

ÁFRICA

África do Sul: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque e preencher um formulário de saúde para apresentar na chegada ao país.

Egito: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, preencher um formulário de saúde ao desembarcar no país, e apresentar o comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (todas as vacinas aplicadas no Brasil são aceitas). Brasileiros estão sujeitos à realização de um novo teste na chegada ao Egito (custo médio de US$ 65 arcado pelo próprio passageiro) inclusive aqueles que estão totalmente vacinados.

Etiópia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 96hs antes do embarque (não se aplica para menos de 10 anos) e comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias.

Ilhas Mauritius: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (todas as vacinas aplicadas no Brasil são aceitas) e reservar pelo menos 7 dias em um dos hotéis que fazem parte da lista do governo.

Marrocos: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 48hs antes do embarque, comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (todas as vacinas aplicadas no Brasil são aceitas) e preencher formulário de saúde. Para os não vacinados ou parcialmente vacinados necessário quarentena de 10 dias.

Namíbia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 96hs antes do embarque (não se aplica para menores de 6 anos), comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias e preencher um formulário de saúde, além de seguro viagem com cobertura para Covid-19.

Quênia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 96hs antes do embarque (não se aplica para menores de 5 anos), preencher um formulário de saúde e apresentar o QR Code gerado, na chegada ao país. Todos os viajantes estão sujeitos à realização de exame médico na chegada e quarentena.

Tanzânia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque (não se aplica para menores de 5 anos) e preencher um formulário de saúde, porém após desembarque todos os brasileiros estão sujeitos à realização aleatória de testes de antígeno (as custas do passageiro).

Tunísia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque (não se aplica para menores de 12 anos), preencher um formulário de saúde e apresentar o QR Code gerado, na chegada ao país. Todos os viajantes estão sujeitos à realização de exame médico na chegada e quarentena (exceto para os totalmente vacinados há 15 dias).


Zâmbia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 48hs antes do embarque (não se aplica para menores de 5 anos), preencher um formulário de saúde e apresentar na chegada ao país. Todos os viajantes estão sujeitos à realização de exame médico na chegada e quarentena (exceto para os totalmente vacinados há 15 dias).

Zimbábue: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 48hs antes do embarque (não se aplica para menores de 3 anos).

ÁSIA E ORIENTE MÉDIO

Emirados Árabes: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque (não se aplica para menores de 12 anos) feito em laboratório autorizado, seguro viagem com cobertura Covid-19. Para desembarque em Dubai é realizado outro teste PCR na chegada ao país (as custas do passageiro) e criar uma conta no app DXB Smart. Obs: cada Emirado pode ter regras diferentes, consulte-nos.

Jordânia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque (não se aplica para menores de 5 anos), comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (Coronavac por enquanto não é aceita), seguro viagem com cobertura Covid-19 e preencher um formulário de entrada e declaração de saúde para apresentar na chegada ao país, além de baixo o app AMAN. Todos os viajantes estão sujeitos à realização de novo teste PCR (as custas do passageiro).

Líbano: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 96hs antes do embarque (não se aplica para menores de 12 anos) e comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias. Além de outro exame PCR na chegada ao aeroporto, preenchimento de formulário de saúde e baixar um app de controle ‘CovidLebTrack’.

Maldivas: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 96hs antes do embarque, comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (todas as vacinas aplicadas no Brasil são aceitas) e preencher um formulário de saúde para apresentar na chegada ao país. Obs: se fizer conexão com mais de 24hs de duração, será necessário fazer um novo teste na conexão e apresentar no desembarque nas Maldivas.

Nepal: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias e preencher um formulário de saúde e apresentar o código de barras gerado na chegada ao país. Para os não vacinados será necessário quarentena de 10 dias no país (as custas do passageiro).

Omã: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias e preencher um formulário e apresentar na chegada ao país. Todos os viajantes com mais de 15 anos estão sujeitos à realização de novo teste PCR (as custas do passageiro).

Uzbequistão: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque e comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias. Todos os viajantes estão sujeitos à realização de novo teste PCR (as custas do passageiro).

EUROPA

Armênia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque e comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias. Brasileiros estão sujeitos a realização de um novo teste na chegada (as custas do passageiro) e quarentena até sair o resultado do novo teste.

Espanha: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (todas as vacinas aplicadas no Brasil são aceitas) e preencher um formulário de saúde e apresentar o QR Code gerado, na chegada ao país. Além disso, todos os passageiros estão sujeitos a passar por um exame médico na chegada ao país.

Finlândia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo precisa de teste RT-PCR em até 72hs antes do embarque e comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (todas as vacinas aplicadas no Brasil são aceitas). Além disso, todos os passageiros estão sujeitos a passar por um exame médico na chegada ao país.

França: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo precisa de teste RT-PCR em até 72hs antes do embarque e comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (vacina da Coronavac ainda não foi aceita pelo governo francês). Atenção: desde início de agosto a França exige um passe sanitário para ter acesso a estabelecimentos turísticos, consulte nossa equipe para mais informações.

Islândia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias (todas as vacinas aplicadas no Brasil são aceitas) e preencher um formulário de saúde para apresentar na chegada ao país. Brasileiros estão sujeitos a realização de um novo teste PCR na chegada e quarentena.

Portugal: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, comprovante de vacinação completa há pelo menos 15 dias e preencher um formulário. Atenção: Portugal exige um passe sanitário para ter acesso a estabelecimentos turísticos, consulte nossa equipe para mais informações.

Países para onde brasileiros já podem viajar

Países abertos para brasileiros, mas com restrições

Chile: Brasileiros estão autorizados a entrar no país com alguns requisitos: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, preencher uma Declaração para Viajantes e ter seguro viagem com cobertura para Covid. Além disso, o país exige também o Passe de Mobilidade, que para ser obtido é necessário apresentar o comprovante de vacinação completa (com as 2 doses ou dose única) há no mínimo 15 dias (todas as vacinas aplicadas no Brasil são aceitas), e então fazer quarentena em Santiago por 5 dias.

Cuba: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque e um novo PCR na chegada (as custas do viajante). Obrigatório quarentena no hotel até sair o resultado no teste de chegada (3 a 5 dias, por isso é indicado começar por Varadero). Além de seguro viagem com cobertura para Covid-19, preenchimento de formulário de saúde e pagamento de uma taxa sanitária (em torno de US$ 30).

EUA: necessário fazer quarentena de 14 dias em um país autorizado pelos Estados Unidos antes de desembarcar no destino, além de apresentar visto e passaporte válidos e portar teste RT-PCR com resultado negativo, emitido no máximo 72hs antes do embarque.

Camboja: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, seguro saúde da FORTE, com pelo menos US$ 50 mil de cobertura e façam um depósito no valor de US$ 2mil, caso seja necessário tratamento médico e outras taxas extras. Todos estão sujeitos a novo teste na chegada e, caso alguém no voo esteja contaminado, todos os demais serão obrigados a cumprir quarentena de 14 dias.

Tailândia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque, seguro viagem com cobertura Covid-19 e preencher um formulário para apresentar na chegada e saída ao país, além de quarentena obrigatória de 14 dias.

Polinésia Francesa (Tahiti): necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque (não se aplica para menores de 11 anos). Além disso, é necessário obter uma autorização de entrada e preencher um formulário de saúde e apresentar o QR Code gerado, na chegada ao país, também precisa preencher uma declaração juramentada. Todos os viajantes estão sujeitos a realização de um novo teste PCR na chegada (as custas do passageiro) e quarentena de 10 dias (isentos de quarentena para os totalmente vacinados há 15 dias com as vacinas da AstraZeneca, Janssen ou Pfizer).

Croácia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 48hs antes do embarque, além de preenchimento de formulário de entrada (deve ser feito online antes da partida) e um formulário de controle de trânsito a ser apresentado na chegada ao país. Todo brasileiro deve ter acomodação confirmada e estão sujeitos a quarentena obrigatória de 14 dias, que poderá ser reduzida mediante resultado negativo em teste RT-PCR no 7º dia de isolamento.

Turquia: necessário apresentação de teste RT-PCR negativo em até 72hs antes do embarque (não se aplica para menores de 6 anos) e preencher um formulário de saúde a ser apresentado na chegada ao país. Brasileiros estão sujeitos a realização de um novo teste PCR e quarentena obrigatória de 14 dias.


As informações acima podem sofrer alterações a qualquer momento. Antes de reservar o seu voo, recomendamos que consulte a Embaixada ou o Consulado do destino, o site oficial do país e o mapa da IATA International Air Transport Association. Em voos com conexão, verifique também as condições do país.   



Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Você também pode gostar de ler

    Fale por Whatsapp

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.