Imprensa

Bênção da natureza, Rio é a única cidade do país que encara Paris e NY

set, 24

JUCA KFOURI

COLUNISTA DA FOLHA

 

Daniel Marenco/FolhaPress

Se você me perguntar qual é a cidade de que mais gosto pelo mundo afora, terei dúvida em responder, e provavelmente a resposta variará segundo meu estado de espírito no dia.

Paris, sim, Paris, como não? Mas e Praga? San Francisco?! Roma, Florença, Barcelona, Londres?! Copenhague, Amsterdã? Nova York!

Já quando a pergunta se restringe ao Brasil, a resposta vem na ponta da língua, sem pestanejar: Rio de Janeiro.

Se eu vivesse fora do Brasil, a resposta seria a mesma porque, que me desculpem todas as demais cidades brasileiras, a única do patropi que pode rivalizar com as acima citadas é o Rio.

Sim, Rio de Janeiro, gosto de você. Gosto de quem gosta desse céu, desse mar, dessa gente feliz, como também gostava o pernambucano Antônio Maria.

É claro que sempre tem aquela praia no Nordeste que quase só você conhece e que não vai dar a dica aqui para não virar um inferno. Ou aquela fazenda no interior paulista, ou aquela casa na serra fluminense.

Mas o Rio é a única cidade brasileira que pode olhar para as demais pelo mundo e : Vai encarar?

Há certas discussões que não me pegam nem distraído.

Pelé ou Maradona? Ora, vá procurar sua turma.

Rio ou São Paulo? Você só pode estar de brincadeira.

Paulistano da gema há 65 anos, e apesar de todos os encantos da Pauliceia, digo que São Paulo não é uma cidade, é um ajuntamento de bairros e mais bairros, periferias e periferias. Um monstrengo desorganizado.

Não que o Rio não padeça dos males de toda a miséria brasileira, até na ostentação besta da Barra da Tijuca.

Não acho graça nas favelas, sinto pena, mais que pena, raiva mesmo, de termos 515 anos de vida e ainda padecermos com iniquidades que você não vê, por exemplo, em San Francisco.

A cidade californiana é 221 anos mais jovem que o Rio de Janeiro e consegue ser mais amigável, embora apenas quase tão bela.

Porque o Rio do Arpoador ao Leblon, do centro histórico, de Santa Teresa, do Aterro do Flamengo, da Lapa, de Copacabana, da lagoa Rodrigo de Freitas e da Tijuca, do Corcovado e do Pão de Açúcar, é um lugar que deslumbra quem quer que seja.

Chegar à Cidade Maravilhosa num dia de sol pelo Santos Dumont e ir até São Conrado, só isso, dentro de um táxi, equivale a uma semana de férias.

E olhe que nem falei da Gávea, nem de Botafogo, nem das Laranjeiras, muito menos do Maracanã, para que você não pense: “Ih, lá vem ele de novo com futebol…”.

O Rio é uma bênção da natureza, uma tensão permanente entre o mar e a montanha com uma arquitetura, no mais das vezes, encantadora.

 

Programa de viagem

R$ 595

Um dia de tour de bicicleta. Na Adventure Club: (11) 55734142;

adventureclub.com.br

 

Clique aqui e saiba mais dos programas que a Adventure Club oferece para o Rio de Janeiro

Fonte:  Folha Online

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *