Dicas de Viagem / Pontos Turísticos

Por que viajar para a Mongólia?

ago, 25

Localizada na Ásia central, entre Rússia e China, a Mongólia conta com uma população de apenas 3 milhões de pessoas. Sua personalidade mais famosa é o imperador Gengis Khan, que fundou o país em 1206.

Com paisagem dominada pelas estepes — formação vegetal de planície com poucas árvores e composta de herbáceas e pequenos bosques —,  é possível percorrer boa parte do país sem encontrar qualquer pessoa, vilarejo ou mudança no cenário, apenas a imensidão e exuberância da tradicional vegetação.

flickr.com / Jordan Sitkin A Mongólia é dominada pela paisagem de estepes, e em alguns locais é possível encontrar animais selvagens.

Em um dia de sorte o viajante pode encontrar camelos e cavalos selvagens cortando a paisagem e algumas Gers (casas de nômades mongóis). A dica é estar com a câmera fotográfica em mãos para registrar estes momentos.

Chegando na capital Ulan Bator, o turista encontra as facilidades de uma grande cidade. Restaurantes e hotéis recebem os estrangeiros sempre com muita hospitalidade. Procure conhecer a culinária mongol, como o Suutei tsai (chá com leite) ou o Batan, uma sopa feita com carne e massa muito popular na cidade. Ao andar pela cidade, é possível perceber a força do budismo da região, especialmente por conta dos vários templos dedicados à religião.

flickr.com / yeowatzup A Mongólia possui diversos templos como esse dedicados ao budismo.

 

A cidade em si não é recheada de atrações. Por isso, vale a pena pesquisar passeios de ônibus ou carro com guias para outras localidades, como o Lago Khovsgol, um dos principais pontos turísticos da Mongólia. A água azul-turquesa corta a floresta de pinheiros e forma um cenário incrível, tudo isso aos pés de montanhas com altitude superior a 3 mil metros. A dica é chegar bem cedo para aproveitar o dia todo lá, pois durante a noite a temperatura cai muito e pode chegar a zero grau. A viagem é longa, mas vale a pena.

flickr.com / Jordan Sitkin O belo lago Khovsgol é um dos principais pontos turísticos da Mongólia.

Para quem prefere um passeio mais próximo da capital, a dica é o Parque Nacional Terelj, localizado a cerca de 70km de Ulan Bator. Formações rochosas e grandes aéreas verdes criam um ambiente perfeito para passeios de cavalo. Lá também é possível encontrar as já citadas Gers.

Para quem pretende viajar para a Mongólia, vale o aviso de que país apresenta um clima frio na maior parte do ano. Portanto, leve blusas, luvas, toucas e demais acessórios para se proteger durante os passeios nas estepes. Outro detalhe que vale a pena pesquisar é a possibilidade de chegar ao país de trem vindo da China ou Rússia. Este tipo de passeio é cada vez mais procurada pelos turistas, principalmente pelas paisagens marcantes do caminho.

 

 

 

 

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *