Dicas de Viagem / Ecoturismo

O que podemos fazer de ecoturismo no Paraná?

jun, 19

flickr.com / Gustavo L. Simianer Procat O Conjunto Marumbi é formado pelas montanhas Olimpo (1.539 m), Boa Vista (1.491 m), Gigante (1.487 m), Ponta do Tigre (1.400 m), Esfinge (1.378 m), Torre dos Sinos (1.280 m), Abrolhos (1.200 m), Facãozinho (1.100 m) e Morro Rochedinho (625 m).

Localizado na região Sul do Brasil, o Paraná é um destino muito procurado pelos fãs de ecoturismo. Fazendo fronteira com São Paulo, Mato Grosso do Sul, Santa Catarina, Argentina e Paraguai, o estado se destaca pelas diversas opções de turismo de aventura e pela preservação ambiental em todo o seu território.

Ecoturismo no Paraná: o que fazer?

O litoral do Paraná é o local ideal para começar a praticar o ecoturismo no estado. Além das praias, onde é possível relaxar e aproveitar o Sol, existem variadas opções para quem está procurando aventura. No Conjunto Marumbi, no Parque Estadual Pico do Paraná e no Morro do Sete, o turista pode praticar montanhismo em cenários de rara beleza.

Outra opção é visitar a Ilha do Mel, que só é acessível pelo mar. Por lá não existem carros ou motos e todos os trajetos são feitos a pé, por trilhas bem cuidadas que levam a cavernas, praias e montanhas. O local conta com várias pousadas, restaurantes e bares, que oferecem toda a infraestrutura necessária para que a viagem seja confortável.

flickr.com / Luiz Gustavo Leme A Ilha do Mel possui quatro pontos turísticos de destaque: ao Norte, a Fortaleza, no centro, Nova Brasília e o Farol das Conchas e ao Sul, Encantadas.

Na região dos Campos Gerais, o viajante tem a oportunidade de conhecer paisagens típicas da região, com escarpas serranas e araucárias. Vale a pena conhecer o Parque da Vila Velha, onde é possível explorar cavernas subterrâneas com espeleotemas (formações rochosas encontradas no interior de cavernas, como estalactites e estalagmites) e praticar rafting no Rio Iapó.

No centro-sul do Paraná é possível encontrar trilhas que levam a cachoeiras incríveis, que podem chegar até a 100 metros de altura. Em Prudentópolis, a dica é conhecer a Reserva Particular do Patrimônio Natural do Ninho do Corvo, onde a natureza esculpiu excelentes pontos para a prática de escalada, rapel, arvorismo e tirolesa.

Nenhum roteiro de ecoturismo no Paraná estaria completo sem o Parque Nacional do Iguaçu, localizado na cidade de Foz do Iguaçu, na fronteira com Argentina e Paraguai. O local abriga uma das sete maravilhas do mundo natural: as famosas e impressionantes quedas das Cataratas do Iguaçu.

Além de conferir o visual único das quedas d’água, o turista pode aproveitar as diversas trilhas do parque e praticar esportes como arvorismo, rafting e rapel. Quem gosta de acampar também encontra locais propícios e próximos ao Parque Nacional do Iguaçu para montar acampamento.

flickr.com / Deni Williams Os parques nacionais brasileiro e argentino, que abrigam as Cataratas do Iguacu, passaram a ser considerados Patrimônio da Humanidade em 1984 e 1986, respectivamente.

O que achou das dicas? Aproveite e confira também os nossos pacotes de viagem para o Paraná.

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *