Dicas de Viagem / Pontos Turísticos

Conheça curiosidades e o turismo no Uzbequistão e Georgia

set, 23

Embora ainda pouco conhecidos pelos turistas do ocidente, o Uzbequistão e a Georgia são dois países que servem de exemplo de como é possível encontrar boas atrações turísticas em destinos alternativos e pouco explorados pelos roteiros tradicionais do turismo popular. Conheça a seguir um pouco sobre esses países surpreendentes.

O que fazer no Uzbequistão?

Localizado na Ásia Central, o Uzbequistão faz fronteira com Cazaquistão, Quirquistão, Afeganistão, Turcomenistão e Tajiquistão, em uma região que foi dominada pela União Soviética entre as décadas de 1920 e 1990. A população total é de pouco mais de 30 milhões de habitantes, que se concentram principalmente na capital do país, Tashkent.

A capital é justamente o principal ponto de partida para quem deseja conhecer o Uzbequistão. A cidade possui diversas atrações turísticas impressionantes, como a Grande Mesquita de Sexta-feira e a Mesquita Telia Cheikh, ambas construídas no século XIX. Mais antiga, a Medersa Barak Khan é do século XVI, assim como o Mausoléu de Abu Bakhr Kaffal. Tashkent também conta com museus que valem a pena conhecer, como Museu de Belas Artes e Museu Amur Timur.

iStockphoto.com / Siempreverde22 No período da dinastia Timúrida, o Registan, na cidade de Samarkand, foi uma praça pública onde as pessoas se reuniam para ouvir proclamações reais e um lugar de execuções públicas.

Outra cidade que merece ser visitada é Samarkand, conhecida como a “Cidade Turquesa” do Uzbequistão. No local vale a pena visitar a Mesquita de Bibi-Khaym, assim como as famosas cordilheiras de altas montanhas em Tian Shan. Para quem adora esportes de inverno, a parada obrigatória é em Tchimgan.

A viagem pelo Uzbequistão não estaria completa sem uma passagem pelo vale do rio Oxus, onde está uma das principais atrações turísticas do país: a cidade de Khiva. A arquitetura do local remete aos contos de “Mil e Uma Noites”, em que a grandeza do deserto só é quebrada por ornamentos cerâmicos azulados. Aproveite sua estadia para conhecer os tradicionais mercadores de rua e observar de perto como são os costumes da população local.

iStockphoto.com / javarman3 O cartão postal de Khiva é o minarete do complexo Slam Khodja (à esquerda), a mais alta construção da cidade. O minarete tem 44m de altura.

Confira os pacotes de viagem para o Uzbequistão.

O que fazer na Georgia?

No limite entre Europa e Ásia — mais precisamente na região de fronteira entre Rússia, Turquia e Armênia — existe um país ainda muito desconhecido, mas que reserva boas surpresas para o turista. Trata-se da Georgia, um país formado após a unificação de diversos pequenos reinos, em 1008 d.C. O país também foi dominado pela União Soviética até 1991, quando se tornou independente.

iStockphoto.com / vvvita Catedral da Santíssima Trindade é a principal da Igreja Ortodoxa da Geórgia localizada em Tbilisi, capital da Georgia.

Um dos passeios imperdíveis para quem deseja explorar a Georgia é pelos famosos vinhedos do país. Em Kakjeti, no leste, é possível encontrar hotéis e pousadas que oferecem vinhos feitos na região, uma tradição secular que só ganha força com o avanço do turismo no país. Aliás, cultivar e colher os próprios alimentos é um costume local, o que permite ao viajante encontrar pães caseiros e doces deliciosos.

O país também conta com belezas naturais características da região, como o tranquilo e enigmático Mar Negro, as montanhas imponentes do Cáucaso, além de cachoeiras e rios que cortam um território que ainda conta com 40% da vegetação preservada. Dois dos principais resorts que recebem turistas que desejam descobrir tal natureza ficam em Gudauri e Bakuriani.

iStockphoto.com / chainbreakr Batumi é uma cidade costeira do Mar Negro e capital da Ajária, uma república autônoma no sudoeste da Georgia.

Confira os pacotes de viagem para a Georgia.

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *