Notice: Array to string conversion in /home/adventureclub.com.br/public_html/agmestre/wp-content/themes/modelo-workflow/single-pacotes-nacionais.php on line 67

Belém, Ilha de Marajó e Alter do Chão

Permânencia 8 Dias
Período Até Jun 2019
Detalhes inicio
Saída: Quartas- Feiras
Valores Incluem: Parte Terrestre (Consulte a Parte Aérea)
A partir de: R$ 4.075,00 Solicitar Cotação

Seja bem-vindo à Amazônia Paraense!

Deixe-se encantar por Belém: O portão natural de entrada da Amazônia. Fundada pelos portugueses na foz do rio Amazonas, Belém, em seus quase 400 anos de história, teve sua arquitetura fortemente influenciada pela cultura europeia, chegando a ser conhecida como Paris na América, no início do século XX. Atualmente, apesar de cosmopolita e moderna em vários aspectos, Belém não perdeu o ar tradicional das fachadas dos casarões, dos palacetes e das igrejas do período colonial. Encravada no meio da floresta amazônica, você irá se encantar, não só com a sua riqueza arquitetônica, mas com o seu povo, sua cultura e sua gastronomia, um interessante caldeirão de misturas étnicas de origem indígena, com sabores das culturas europeias.
Descubra a Ilha de Marajó: Maior ilha fluvial marítima do planeta, Marajó pertence ao arquipélago que possui mais de duas mil ilhas, cercado pelo Oceano Atlântico e pelos Rios Amazonas e seus tributários. Guardiã do maior acervo de descobertas arqueológicas de toda a bacia amazônica, a ilha abriga resquícios da cultura indígena marajoara que desapareceu misteriosamente durante o período da colonização portuguesa. Seus campos inundáveis, praias selvagens e manguezais a tornam um lugar especial para quem gosta da natureza em seu estado natural.


DIA

BELÉM

Chegada, recepção no Aeroporto Internacional de Belém seguido de traslado para os hotéis. Restante do dia livre para explorar temas do seu interesse. DICA: Ideal chegar em um voo até as 15h00, para poder passar o fim de tarde na Estação das Docas, complexo cultural e de lazer instalado em galpões de ferro inglês do século 19, completamente restaurados, na margem da Baía do Guajará – a sugestão é você degustar cervejas artesanais com sabores regionais, na Amazon Beer, e, em seguida, jantar no restaurante regional Lá em Casa, famoso pela organização do Festival de Gastronomia “Ver-o-Peso da Cozinha Paraense”, onde recomendamos experimentar o “corridinho de peixe”, uma degustação dos melhores peixes da Amazônia, servido em duas partes e acompanhado de sorvete de cupuaçu de sobremesa.


DIA

BELÉM – City Tour

Após o café da manhã, começaremos nosso passeio por Belém com visita ao Mercado do Ver-o-Peso, aonde chega, de todas as partes do interior do Estado, produtos extraídos da floresta e dos rios da Amazônia, um grande mosaico de cores, aromas e sabores amazônicos, tão característicos do Pará. Continuamos em caminhada pela Cidade Velha, para conhecer um dos acervos históricos e arquitetônicos mais ricos do país, passando pelas estreitas ruas onde a cidade começou até o Complexo Feliz Lusitânia, que abriga a Catedral da Sé, Casa das Onze Janelas, Forte do Castelo e Museu do Encontro, espaço que abriga peças e objetos que remetem aos primeiros moradores da cidade, além de peças de cerâmica marajoara e tapajônica, encontradas em sítios arqueológicos no interior da Ilha de Marajó e Região do Tapajós.
Continuando nosso passeio, nos deslocamos de carro até a Praça da República, para visita ao Theatro da Paz, um remanescente da época áurea do ciclo da borracha que durante boa parte do ano recebe companhias de ópera e peças de teatro do Brasil e do mundo. Seguimos para a Estação das Docas para almoço (não incluído).Recomendamos que você almoce no Restaurante “Point do Açaí” e experimente o açaí à moda paraense, com peixes fritos. Contudo, se você não quiser ser tão radical, uma ótima opção é experimentar uma das melhores combinações preparadas para nosso “filhote”, um dos peixes nobres dessa parte da Amazônia.
Às 14:30, traslado de retorno ao hotel. Se desejar permanecer mais tempo no local, retorno por conta própria.

Incluso:Café da manhã

DIA

BELÉM // ILHA DE MARAJÓ – Visita ao interior da ilha

Traslado ao Terminal Hidroviário de Belém, de onde partimos em direção à Ilha de Marajó. O traslado fluvial de linha durará cerca de 2h00 navegando pelo estuário do rio Amazonas, atravessando a região insular de Belém, depois a Baía de Marajó, até a chegada em Soure onde ficaremos hospedados. Importante: o horário de chegada previsto é as 11:00, porém nosso check-in ocorre apenas às 13h00, por isso seu anfitrião estará pronto para antecipar algum passeio que estaria programado para o dia seguinte.

Passeio nos campos de Marajó – De tarde partimos com destino ao interior da Ilha, para visita aos campos de Marajó. Nosso objetivo é observar espécies da fauna marajoara como maguaris, garças brancas e azuis, guarás vermelhos, mergulhões, patos selvagens e muitos outros. Com um pouco de sorte poderemos avistar macacos guariba (ou bugio) e capivaras, muito comuns nessa região. Retornamos ao hotel após o pôr-do-sol.

(Há opção de traslado aéreo privativo, com duração de cerca de 20 minutos em voo panorâmico. Sobrevoamos algumas ilhas que circundam Belém, até o início da travessia da Baia de Marajó. Você terá uma fantástica visão da grandiosidade do estuário do maior rio do mundo, o rio Amazonas) Consulte-nos .

Incluso:Café da manhã

DIA

ILHA DE MARAJÓ

Descobrindo a Cerâmica Marajoara – Após o café da manhã, partimos para conhecer o entorno da cidade e descobrir a Cerâmica Marajoara e os artigos de couro de búfalo. Visitamos o Ateliê de Cerâmica Marajoara do Artesão Carlos Amaral, que reproduz peças baseadas na cultura Aruan, última etnia indígena a habitar Marajó; Visitamos também o Ateliê do Artesão Ronaldo Guedes, artista contemporâneo, que reproduz peças cerâmicas baseadas nas diversas etnias indígenas que habitaram Marajó, além de peças em madeira coletada nas praias e manguezais; Visitamos o ateliê de Couro (e curtume), local de produção artesanal de artigos em couro, tradição transmitida por gerações, que ainda mantém características originais de produção;

Descobrindo a costa de Marajó com caminhada costeira/ caminhada sob a floresta mangues/ passeio de canoa/ montaria em búfalos – Assim que a maré permitir, deixamos a cidade e nos deslocamos até uma fazenda extrativista, onde viveremos uma experiência genuinamente marajoara descobrindo a Costa de Marajó. Um passeio de canoa nos leva pelos igarapés que cruzam a floresta de igapó e manguezais, até praia Goiabal, uma belíssima praia deserta onde fazemos uma caminhada costeira até uma trilha formada por pontes rústicas, construídas sobre as raízes das árvores de mangues que formam a floresta, com árvores de até 30 metros de altura, até encontrarmos os búfalos, os maiores animais da ilha, que nos levam em montaria por um caminho preservado através dos campos, de volta a sede da fazenda.

Descobrindo a dança do carimbó – Apresentação ou ensaio de grupo folclórico, apresentando o tradicional ritmo do carimbó, dança de origem indígena, que recebeu influências das culturas negra e portuguesa, presente na cultura marajoara desde o período colonial (para grupos a partir de 6 pessoas).

Incluso:Café da manhã

DIA

ILHA DE MARAJÓ // BELÉM

Vila de Pescadores e Praia Pesqueiro – Após o café da manhã, saímos para visita à vila de pescadores na praia Pesqueiro. Após a visita, reservamos o restante da manhã para você curtir o sol na praia.

Traslado da Pousada ao porto de Soure, em Marajó, para embarque de retorno com destino à Belém.. Chegada a Belém e traslado ao hotel.

Incluso:Café da manhã

DIA

BELÉM / ALTER DO CHÃO - Lago Verde / Serra Piraoca / Ponta do Cururú

De acordo com o horário do seu voo, traslado ao Aeroporto de Belém para embarque com destino a Santarém. Chegada e traslado ao hotel em Alter do Chão. O tempo de deslocamento aproximado até Alter do Chão é de 1 hora.

A tarde, saímos para um passeio de barco a motor pelo Lago Verde, lugar de grande beleza natural de onde, segundo conta a lenda, os índios Borari, antigos habitantes da região, retiravam pedras para a confecção do muiraquitã, um amuleto em forma de sapo. Durante os meses de fevereiro a julho, inverno amazônico, visitamos a Floresta do Caranazal, uma floresta que permanece submersa durante esse período. Durante os meses de agosto a janeiro, verão amazônico, visitamos o Igarapé do Macaco, um caminho de águas cristalinas e uma das principais nascentes do Lago Verde. Em seguida, uma caminhada nos leva até o mirante da Serra da Piraoca, de onde temos uma vista panorâmica em 360° do Rios Tapajós e de Alter do Chão. No final da tarde navegamos pelo Rio Tapajós, até a Ponta do Cururu, uma ponta de areia lançada sobre o rio, onde assistimos ao pôr-do-sol, refletido no grande rio. É um bom momento para avistamento dos golfinhos de água doce, os botos, que costumam brincar neste lugar durante o cair da tarde. Retornamos a Alter do Chão ao anoitecer. Noite livre.

Incluso:Café da manhã

DIA

ALTER DO CHÃO - Floresta Nacional do Tapajós

Após o café da manhã, saímos para visita à Floresta Nacional do Tapajós (FLONA), uma reserva florestal de 600.000 hectares que abriga floresta primária, praias, comunidades tradicionais, igarapés e igapós. Chegamos à comunidade de Maguari, um povoado com aproximadamente 50 famílias, cuja economia é baseada na utilização sustentável dos recursos naturais da floresta. Não perdemos tempo e em seguida iniciamos uma caminhada de 3 a 4 horas pela floresta, onde encontramos diversas árvores imponentes, de grande valor medicinal e alimentar para as comunidades locais, nosso objetivo é chegar até a centenária e gigantesca Sumaúma. Retornamos para o almoço rústico, na casa de uma das famílias moradoras da comunidade. Após o almoço e um merecido descanso, vamos aprender um pouco sobre a produção de bolsas e outros artigos artesanais feitos do látex – o “couro vegetal” extraído das seringueiras. Para fechar nossa visita, saímos para banho no igarapé da comunidade vizinha, chamada Jamaraquá, que possui um aquário natural repleto de peixes e decorado com um jardim submerso. Retornamos a Alter do Chão no fim da tarde. Noite Livre.

Incluso:Café da manhãAlmoço

DIA

ALTER DO CHÃO // SANTARÉM / BELÉM

Dia reservado para sua partida. Sua diária encerra ao meio dia. Esperamos que tenha aproveitado cada minuto dessa viagem e de acordo com o horário do seu voo, deixamos o hotel em direção ao aeroporto de Santarém, seguido de embarque com destino à sua cidade de origem.(A fim de evitar transtornos, recomendamos utilizar voos saindo de Belém a partir das 21h. Caso seja necessário, adicione um pernoite em Belém e voe no dia seguinte para seu local de origem)

Nota: No Hotel Atrium a acomodoção standart possui apenas cama casal, para opção de Twin deverá ser reservado categoria superior, consulte-nos!

Incluso:Café da manhã

VALORES POR PESSOA EM REAIS

Hospedagem Quádruplo Triplo Duplo Single CHD Validade
BELO ALTER HOTEL & CASARÃO DA AMAZÔNIA & ATRIUM QUINTA DAS PEDRAS Apto Superior & Garden Suite & Apto Standard - R$ 3.920 R$ 4.075 R$ 4.897 - Até 30 Jun 2019
CASARÃO DA AMAZÔNIA & ATRIUM QUINTA DAS PEDRAS & VILA DE ALTER Garden Suite & Apto Standard & Apto Standard - - R$ 4.295 R$ 5.444 - Até 30 Jun 2019

OS VALORES E DISPONIBILIDADES DOS PROGRAMAS CONTIDOS NESTE SITE DA ADVENTURE CLUB ESTÃO SUJEITOS A ALTERAÇÕES. (5)

FORMAS DE PAGAMENTO
– No Cheque – Em até 8 vezes iguais sem juros no cheque pré-datado. Não aceitamos cheques de terceiros ou de pessoa jurídica cujos proprietários não sejam os viajantes.
– No Cartão – Entrada de 30% (depósito ou cheque) + 5 parcelas iguais nos cartões Visa, Mastercard e Diners;
– No Boleto bancário – Entrada de 20% (dinheiro ou transferência) + 8 vezes iguais sem juros.
– Pagamento à vista (depósito ou cheque) – 3% de desconto.

O que Inclui:
– Traslados terrestres de chegada e saída em Belém, Marajó e Alter do Chão;
– 03 noites de hospedagem em Belém com café da manhã;
– 02 noites de hospedagem na Ilha de Marajó com café da manhã;
– 02 noites de hospedagem em Alter do Chão com café da manhã;
– Todos os passeios conforme mencionados no roteiro, ingressos e taxas onde houver cobrança;
– Acompanhamento de guia nos passeios;
– Traslados fluviais Belém / Marajó / Belém em lancha, de acordo com o quadro de horários.
– 1 almoço durante o passeio do 7º dia (sem bebidas);
– Seguro Viagem Nacional – Intermac, Cobertura Brasil Premium (Consulte suplemento para maiores de 75 anos);

Não Inclui:
– Parte aérea;
– Bebidas;
– Despesas pessoais;
– Tarifa para envio de documentação e brindes fora da cidade de São Paulo;
– Qualquer outro serviço não mencionado como incluído.

DATAS DE SAÍDAS 2019:
FEVEREIRO: 06, 13, 20, 27
MARÇO: 06, 13, 20, 27
ABRIL: 03, 10, 17, 24
MAIO: 01, 08, 15, 22, 29
JUNHO: 05, 12, 19, 26

IMPORTANTE:
* Valor válido para saídas com no mínimo 2 pessoas. Confirme no ato da reserva.
* Preços sujeitos a alterações sem aviso prévio.
* Lugares sujeitos à disponibilidade

* Caso o passageiro adquira por conta própria o seu bilhete aéreo, deverá informar à Adventure Club sobre todos os seus dados, inclusive acerca de suas eventuais alterações.

CONDIÇÕES GERAIS
* Documentação para embarque: para sua tranquilidade providencie a documentação com antecedência.
* Crianças menores de 18 anos que não estejam acompanhadas de pai e mãe, devem obrigatoriamente ter autorização com firma reconhecida daquele que não está presente.
* Verifique com o consultor se os valores divulgados tem restrições para o mínimo de participantes.
* A ordem dos passeios não será obrigatoriamente a descrita no roteiro.
* A programação acima pode sofrer alterações devido a fatores climáticos, de acesso, ou outros que a operadora julgue poderem interferir na segurança ou bem estar dos viajantes.

O QUE LEVAR: Calças compridas para caminhadas, preferencialmente de material sintético para secagem rápida; Camisas de mangas longas protegem do sol e dos mosquitos; Roupas de banho; Capa de chuva; Chapéu ou boné; Óculos de sol; Um par de tênis confortável; Um par de botas para caminhadas, preferencialmente impermeável; Protetor solar e repelente contra insetos; Seus medicamentos habituais; Câmera fotográfica; Binóculos; Lanterna, preferencialmente de cabeça; Saco estanque para proteger seus equipamentos e pertences que não podem ser molhados pela chuva ou por uma eventual queda na água.

VACINAS: A vacina contra febre amarela é recomendada, pois apesar de controlada, é endêmica da região amazônica. A vacina leva 10 dias para fazer efeito, portanto você deverá tomá-la no mínimo dez dias antes do início da sua viagem. Você estará imune por um período de 10 anos.

ALTER:
LOCALIZAÇÃO: Alter do Chão é um dos distritos administrativos do município de Santarém, no estado do Pará. Localizado na margem direita do Rio Tapajós, Fica a uma distancia de 38 km de Santarém, e, é seu principal ponto turístico, pois abriga a mais bonita praia de água doce do mundo segundo o jornal inglês The Guardian, ficando conhecido popularmente como Caribe Brasileiro.

CLIMA: O clima em Alter do Chão é equatorial, quente e úmido, característico das florestas tropicais. A pouca variação de temperatura durante o ano Média: 26º C; Mínima: 22º C; Máxima: 31º C

MELHOR ÉPOCA: Inverno de Dezembro a Maio: época das chuvas, quando as águas dos rios começam a subir em dezembro, nível mais alto em maio. no mês de março época de vitórias-régias.
Verão de Junho a Novembro: época de praia quando as águas baixam e as areias brancas aparecem compondo um belo cenário

MARAJÓ
LOCALIZAÇÃO: A Ilha do Marajó está há três horas e meias de travessia de Belém, capital do Pará.

CLIMA: A temperatura anual média é de 27º, o clima é quente e úmido, as chuvas são significativas durante o ano inteiro.

MELHOR ÉPOCA: O período de Julho a Janeiro que é o período que não chove tanto e a temperatura não é tão quente.

Claudia Alves de Oliveira

A viagem foi ótima! Em Belém fui recebida pela guia Luizete, muito solícita, simpática, fez um city tour bem informativo sem ser cansativo ou massante. Como é uma pessoa que conhece e gosta da cidade, não caiu no clichê. O hotel Tulip in Batista Campos é bem localizado, perto de várias áreas de interesse, restaurantes e shopping. Funcionários atenciosos e prestativos. O guia Adriano é fantástico, conhece muito bem a região e como tem formação em biologia, os passeios são muito instrutivos (ao menos pra mim que trabalho com meio ambiente). Além disso é engajado nos movimentos de proteção ao patrimônio cultural, então conhece os artesãos locais e o melhor, participa de um grupo de Carimbó e convidou o grupo para assistir uma apresentação o que foi show! Destaque também para a pontualidade e a preocupação com segurança e conforto nos passeios. Em Alter do chão o receptivo funcionou bem, o Sr. Taketone todos os dias ia ao hotel para verificar se estava tudo bem e falar sobre os passeios. Por dois dias quem acompanhou o passeio foi a guia Carol, muito fraca. Os barqueiros eram ótimos. Próxima viagem? Lençóis Maranhenses? Jalapão?

Foto da viagem do(a) Claudia Alves de Oliveira