Trekking à Nascente do Rio Ganges no Himalaia Indiano

Permânencia 14 Dias
Período 10 Mai 2020
Detalhes inicio
Saída: 10 Mai 2020
Valores Incluem: Parte Terrestre (Consulte a Parte Aérea)
A partir de: U$ 3.900,00 Solicitar Cotação

Qualquer um que goste de montanhas e veja imagens dos imponentes montes Shivling e Meru, certamente se sentirá atraído por sua extrema beleza, mas este trekking tem também um enorme atrativo cultural, já que visitaremos alguns dos mais importantes lugares de peregrinação para os hindus, que vêm no Ganges muito mais que um simples rio e sim uma divindade.

De acordo com a mitologia hindu, a deusa Ganga tomou a forma de rio para devolver a terra água, fertilidade e harmonia. O deus Shiva, do alto de sua morada, no monte Shivling, cedeu a Ganga suas longas tranças para que suas águas descessem suavemente até a terra.

De uma grande abertura em forma de boca, cavada nas geleiras do monte Shivling, brota o Ganges com enorme força. Neste ponto se supõe que as águas do sagrado rio estejam em seu maior grau de pureza e ali encontraremos peregrinos e devotos rendendo homenagens a deusa Ganga

  • india_5-2
  • dv802132
  • tso-moriri-lake-in-ladakh-jammu-and-kashmir-north-india
  • shutterstock_214241122

DIA

Chegada a Delhi e translado ao Hotel

(transfer não incluído, aconselhamos tomar um taxi de pré-pago do aeroporto ao hotel)


DIA

Transfer ao Aeroporto de Delhi e voo a Dehradun e transfer a Rishikesh

nesta manhã voaremos de Delhi a Dehradun e de lá iremos em carro a Rishikesh. Após o check-in no hotel, teremos uma visita guiada aos principais lugares da cidade.Rishikesh é um importante ponto de peregrinação e conhecida como importante centro de aprendizado e pesquisa em yoga e meditação, com seu famoso festival Internacional de Yoga.

ao entardecer assistiremos a cerimônia Aarti, nas margens do sereno Ganga


DIA

Dia em Rishikesh e Haridwar

Depois do almoço, visitaremos Haridwar, outra importante onde visitaremos vários pontos atrativos como os templos de Chandi Devi, Gauri Shanker e Mansa Devi de onde teremos uma bela vista da cidade. Visitaremos também o famoso ashram de Gayatri que atrai peregrinos de longe para yoga e curas naturais e ao entardecer conheceremos o famoso ghat Har-Ki-Pauri, onde um mergulho sagrado é uma obrigação para todos os devotos. Voltaremos ao nosso hotel em Rishikesh para o jantar e pernoite.


DIA

Rishikesh para Uttarkashi - 6 a 7 horas 1450m

Viajaremos em carros privados de Rishikesh para Uttarkashi cruzando montanhas e vales da região de Garhwal, com vistas espetaculares vale do vale do rio Bhagirathi, que é represado em Tehri, formando um reservatório de 22 quilômetros. Em aproximadamente 6 ou 7 horas chegaremos a Uttarkashi, principal cidade do vale e ponto de parada para peregrinos no caminho a Gangotri. Pernoite na Monal Guest House.


DIA

Uttarkashi para Gangotri 5 horas 3140m

Gangotri é um dos principais pontos de peregrinações hindu. Esta pequena cidade é centrada em torno ao templo da deusa Ganga, que foi construído pelo general Gorkha, Amar Singh Thapa no início do século XVIII. Gangotri é o ponto de partida de nosso trekking e também o de muitos peregrinos que pretendem visitar a nascente do rio Ganges.


DIA

Gangotri para Cheerbasa - 4 a 5 horas - 3585m

Após o café da manhã, iniciaremos a caminhada até Cheerbasa, começando com uma subida fácil por uma rota repleta de pinheiros e cedros e nossas primeiras vistas das montanhas nevadas. Almoçaremos no caminho e acamparemos ao final do dia encontraremos nosso acampamento e nossa equipe local esperando-nos em Cheerbasa.


DIA

Cheerbasa - Gomukh e volta a Bhojbasa (5-6 horas, 4000m e 3792m)

O dia começa com uma pequena subida e então se torna gradual. Em aproximadamente 3 horas chegaremos a  Bhojbasa, onde lancharemos. para melhorar nossa aclimatação, continuaremos caminhando até Gomukh, que se encontra a 4 mil metros de altitude e voltaremos para dormir em nosso acampamento em Bhojbasa.

 


DIA

Bhojbasa - Gomukh - Tapovan (5-6 horas, 4463m)

Voltaremos a subir até Gomukh, a fonte do rio Ganges, onde as águas brotam com enorme força de uma grande abertura em forma de boca, cavada no glaciar. Neste ponto se supõe que as águas do sagrado rio estejam em seu maior grau de pureza e certamente encontraremos peregrinos e devotos rendendo homenagens a deusa Ganga.

Contornaremos a geleira e deixaremos o glaciar de Gangotri iniciando a subida íngreme entre rochas para chegar a Tapovan, um dos pontos de maior beleza em nosso trekking, o campo base  do Pico Shivling (6543m) uma das montanhas mais belas da Terra, ladeado pelo Monte Meru (6630m) um dos cumes mais difíceis e cobiçados do Himalaya, e também do Monte Kedar Dome (6808m). Ao lado oposto veremos o enorme maciço dos picos Bhagirathi 1,2 e 3 e inúmeros picos nevados, que nos darão a sensação de estar literalmente rodeado por algumas das mais imponentes montanhas do Himalaya.

Aqui acamparemos e passamos o resto do dia explorando e fotografando com as luzes do entardecer.

 


DIA

Tapovan

Dia de descanso em Tapovan ou excursão ao Glaciar Kirti.

10º
DIA

Tapovan - Nandanvan (5-6 horas, 4340m)

Descemos até o glaciar Gangotri e percorremos as geleiras Gangotri e Chaturangi, cruzando entre enormes bolders rochosos e blocos de gelo. Lancharemos na junção das duas geleiras para finalmente subir até Nandanvan, um pequeno vale de gramínea de rara beleza, cercado pelos picos Bhagirathi, Kedar, Karchakunda e Shivling.

11º
DIA

Nandanvan - Cheerbasa: (5-6 horas, 3585m)

Encontramos nosso caminho de volta para Cheerbasa e acamparemos nossa última noite no Himalaya.

12º
DIA

Cheerbasa - Gangotri - Uttarkashi (3 horas trekking e 4 horas transfer)

Apos o café da manhã caminharemos de volta a Gangotri, onde nos esperam nossos veículos nos para levar-nos a Uttarkashi.

13º
DIA

Transfer a  Rishikesh: (7 horas)

Retorno de Uttarkashi a Rishikesh e pernoite em nosso hotel.

14º
DIA

Transfer  Rishikesh - Dehradun- voo a Delhi e pernoite em hotel.

Transfer  Rishikesh – Dehradun- voo a Delhi e pernoite em hotel.

15º
DIA

Dia livre em Delhi e voo internacional.

Dia livre em Delhi e voo internacional.

VALORES POR PESSOA EM DÓLAR

Hospedagem Quádruplo Triplo Duplo Single CHD Validade
Conforme Roteiro U$ 3.900 Saída 10 Mai 2020

Obs. Os valores serão convertidos pelo Dólar Turismo Venda do dia do pagamento.

Se, no final das inscrições alguém ficar sem par, deverá pagar o single supplement involuntário de US$ 600 por pessoa

Caso alguém escolha ficar em quarto individual pagará o single supplement voluntário de US$ 1200 por pessoa, já que por sua escolha outra pessoa ficará involuntariamente em quarto individual.

 

OS VALORES E DISPONIBILIDADES DOS PROGRAMAS CONTIDOS NESTE SITE DA ADVENTURE CLUB ESTÃO SUJEITOS A ALTERAÇÕES. (24)

Entrada 30% à vista (deposito em contra através de TED ou DOC) + saldo em até 3x no cartão de crédito sem juros em Reais convertidos no câmbio do dia.

Inclui:
– 2 noites de hotel em Delhi com café da manhã
– Voo Delhi – Dehradun – Delhi;
– 3 noites de hotel em Rishikesh em quarto duplo com café da manhã, almoço e jantar
– 2 noites de hotel em Uttarkashi em quarto duplo com café da manhã, almoço e jantar
– 1 noites de hotel em Gangotri em quarto duplo com café da manhã, almoço e jantar
– 5 noites em barracas duplas com café da manhã, almoço, jantar durante e água tratada durante o trekking;
– Transporte em veículo privado segundo itinerário;
– Acompanhamento do guia Luiz Simoes;
– Equipe local, incluindo guias locais, cozinheiro e ajudantes, carregadores para transportar as provisões e a bagagem dos clientes durante o trekking;
– Equipamentos de camping e cozinha, incluindo barraca refeitório com cadeiras dobráveis, Barraca cozinha, barraca WC, colchonetes;
– Taxas de meio ambiente, entrada no parque e acampamento;
– Permissão de trekking;

Não Inclui:
– Voos internacionais;
– Transfers de aeroporto em Delhi
– Alimentação não citada no itinerário;
– Bebidas;
– Vistos ou gorjetas;
– Qualquer item não citado acima.

Saída:
Início: chegada a Delhi em 10 de maio de 2020
Término: saída de Delhi em 24 de maio de 2020

Guia: Luiz Simões: Deixou a Biologia, para ser fotógrafo e anos mais tarde trocou o trabalho de estúdio pela fotografia outdoor. Por vários anos não teve moradia fixa, realizando diversos trekkings, escaladas e viagens de bicicleta nos Andes, Himalaya, Karakorum, Pamir, Tibet, Pirineus, Alpes, Dolomitas, e os desertos do Sahara, Atacama e Taklamakan. Residente em Barcelona há mais de 25 anos, Luiz tornou-se um assíduo frequentador dos Pirineus, onde realiza trekkings e escaladas com frequência. Grande adepto do Cicloturismo, realizou viagens insólitas, como 9 meses pelo Himalaya ou a travessia do Sahara em solitário, pedalando por 2 meses quase 5 mil quilômetros, com trechos de mais de 300 quilômetros sem água e de até 16 dias sem cidades. Recentemente guiou uma equipe da Rede Globo de Televisao até a nascente do Ganges, no Himalaya Indiano, para a realização do documentário “Os rios e as civilizações” para o programa “Fantástico”.