Adventure Club
+55 11 5573-4142
Blog / Experiências

Você sabe a diferença entre trekking e hiking?

jan, 12

Embora tenham o mesmo princípio caminhar na natureza —, na teoria hiking e trekking são atividades diferentes.

Hiking seria uma caminhada leve, bate e volta, que você faz com uma pequena mochila de ataque (com os equipamentos do dia). Trekking seria uma caminhada mais intensa e que, às vezes, demanda pernoites. Você leva uma mochila maior, estilo cargueira, com equipamentos, comidas e roupas. 

Nos Estados Unidos e na Europa, é mais comum o uso da palavra hiking, mas no Brasil costumamos utilizar somente o termo trekking para nos referir à atividade de fazer trilha, que pode ser de nível leve, médio ou intenso.

Diferença entre trekking e hiking

As principais diferenças entre trekking e hiking estão no tipo de terreno, na distância e no tempo do percurso, no equipamento necessário e no esforço físico dispensado para a realização de ambas as atividades.

Tipos de terreno → Nos lugares em que se pratica hiking, os terrenos normalmente são bem demarcados. Já para praticar trekking, o aventureiro não deve contar com terrenos tão definidos.

Distância → No hiking, as distâncias são mais curtas e bem definidas. Na maioria das vezes, há placas pelo trajeto indicando as distâncias percorridas. No trekking, em muitos casos, é difícil determinar as distâncias, já que é possível sair do “trajeto” para ver uma cachoeira, um mirante ou um vale, por exemplo. Mas, naturalmente, as distâncias são mais longas comparadas às do hiking. 


Tempo → No hiking, como temos uma distância determinada, temos também um horário previsto para completar o percurso. Ou seja, a partir do horário em que começarmos uma trilha, sabemos a que horas aproximadamente estaremos de volta. No trekking, ao contrário, como não temos uma distância tão bem definida muitas vezes, podemos também não ter um tempo de conclusão tão certo. Mas, com certeza, o trekking tem um tempo de duração bem maior comparado ao hiking, o que demanda pernoites em meio à natureza. 

Equipamento → Para o hiking, somente é necessário levar uma mochila de ataque, com água, snacks, protetor solar, um corta-vento e itens pessoais. Já para o trekking, como é preciso levar comida e água suficiente para vários dias, roupas (principalmente roupas de frio para a noite), itens pessoais, kit de primeiros socorros e todos os equipamentos necessários para acampar, a mochila precisa ser grande, com capacidade entre 50 e 70 litros. 

Esforço físico → O hiking não demanda tanto esforço físico do participante e, portanto, é bem mais acessível. O trekking, ao contrário, exige um ótimo condicionamento físico; somente pessoas já acostumadas a longas caminhadas podem aventurar-se nessa atividade.  Durante o trajeto, o grau de dificuldade costuma oscilar bastante. Em alguns momentos, pode ser fácil; em outros, moderado; em outros, extremamente difícil.  

Para quem nunca praticou, o ideal é começar por trilhas mais leves e ir ganhando condicionamento físico com a prática. Quando sentir mais segurança, partir para as trilhas mais intensas. Como cada pessoa tem seus próprios limites, é muito importante conhecer bem o corpo e a mente para aproveitar ao máximo o que cada experiência tem para oferecer, sempre com especialistas na área. 

Agora que você já descobriu a diferença entre trekking e hiking, que tal planejar uma super viagem em meio à natureza?

Fale com um dos nossos especialistas e conheça todos os roteiros de trekking e hiking da Adventure Club. Depois, é só escolher o que melhor se encaixa com o seu perfil!



Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    Você também pode gostar de ler

    Fale por Whatsapp

    Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.