Curiosidades

Companhia aérea quebra regras e libera animais em voo após incêndio no Canadá

maio, 13

Ryan Remiorz/The Canadian Press via AP Para sugir de incêndio, companhia aérea canadense permitiu que todos os passageiros levassem seus pets.

Após o grande incêndio que atingiu as florestas da região Fort McMurray, no Canadá, mais de 80 mil pessoas foram forçadas a sair de suas casas. Para ajudar neste momento crítico, que já é considerado um dos piores desastres naturais da história canadense, a companhia aérea Canadian North permitiu que os passageiros levassem seus animais de estimação dentro da aeronave.

Para isso, a empresa quebrou algumas regras de transporte aéreo e liberou a presença dos animais no chão, no colo e até nos assentos — sem caixinha de transporte e sem nenhum tipo de cuidado especial. O resultado? Diversos cães, gatos e até tartarugas convivendo em harmonia e circulando livremente na aeronave.

Vale lembrar, entretanto, que esta foi uma exceção concedida por conta da situação emergencial do país. Em geral, as regras para transporte de animais são um pouco mais rígidas. Entenda melhor a seguir:

Regras para transporte de animais em aviões

Antes de qualquer coisa, é preciso saber que a presença do animal deve ser informada com antecedência para a companhia aérea, pois existe um limite máximo de cargas vivas por voo. Além disso, o passageiro precisa pagar um custo adicional para o transporte do pet, calculado com base no peso do animal somado ao peso da caixa de transporte.

Reprodução: Facebook/Wanda Murray Animais foram levados no chão, no colo e até nos assentos da aeronave,

Algumas empresas permitem que o animal viaje com o passageiro na cabine, mas é necessário atender a alguns requisitos, como tamanho e peso máximos, idade mínima de quatro meses e presença da caixa de transporte.

Além disso, são exigidos alguns documentos emitidos por um veterinário, bem como carteira de vacinação atualizada, tratamento com vermífugo e um Certificado Zoossanitário Internacional (CZI).

Para que a viagem seja tranquila, é importante que o passageiro siga recomendações como:
– Não viajar com fêmeas em fase de gestação;
– Não viajar com animais muito novos ou muito idosos;
– Sempre levar um brinquedo ou petiscos para distrair o animal ao longo do trajeto;
– Caso a viagem tenha escala, deixar que o animal caminhe um pouco para gastar energia e se movimentar.

Embora algumas regras sirvam para a aviação em geral, alguns detalhes podem variar de acordo com a companhia aérea. Por isso, a dica é sempre consultar antecipadamente as regras da empresa escolhida para sua viagem, de modo a evitar dúvidas ou imprevistos.

 

Comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *