Pacote de viagem para
Patagônia Chilena

Melhor época Novembro a Março
Roteiros inicio

Para onde quer que se olhe, é arrebatador

Aos pés, a vegetação de um verde-escuro por vezes amarelado. À frente, um lago de azul único. Ao fundo, uma montanha com pico coberto de branco. Acima, o negro de condores que, com voos rasantes, chamam a atenção para o céu que parece refletir, ao longo do dia, as cores que estão bem abaixo dele. Não, não é um exagero. Uma pequena amostra do que se vê em Torres Del Paine já ajuda a dimensionar o que a Patagônia Chilena reserva, além de explicar porque este parque nacional é considerado o mais bonito da América do Sul e uma Reserva de Biosfera pela Unesco. Só nele, que tem cerca de 180 mil hectares de área, há montanhas, lagos, glaciares, fiordes, animais… Sim, a natureza ali surpreende pela forma e igualmente pela diversidade.

Há tanto para ver, apreciar e sentir neste destino que a própria Cordilheira dos Andes se encarregou de delimitar as atrações e dividir a Patagônia com a Argentina. Assim, fica mais fácil experimentar os pormenores de ambos os lados, que são tão fascinantes quanto complementares.

Melhor Época de Viagem para Patagônia Chilena

O período ideal para conhecer a Patagônia Chilena é entre Novembro e Março, pois a temperatura é mais agradável e os dias mais longos. Entre Maio e Outubro, o mais indicado são as regiões ao norte da Patagônia, como Bariloche, San Martín de Los Andes ou Pucón, regiões próximas aos lagos e vulcões e ideais para a prática dos esportes de neve. Quando planejar sua viagem à Patagônia, leve em conta a época do ano, pois a chuva e a neve podem comprometer grande parte dos passeios. No inverno, as temperaturas chegam a 1°C negativo e os dias são mais curtos: o sol se põe em às 18 horas e só amanhece às 8 horas.

IDIOMA: Espanhol
MOEDA: Peso Chileno
COMPRA DE MOEDA OU CARTÕES PARA VIAGEM: Você pode conseguir boas cotações para a compra de moedas através da Novo Mundo Operadora
FUSO HORÁRIO: -1 hora em relação ao horário de Brasília
VOLTAGEM ELÉTRICA: 220V
CÓDIGO TELEFÔNICO: +56-45

DOCUMENTOS: Para Brasileiros visitarem o Chile não é necessário visto. A exigência feita é que carregue consigo RG original ou Passaporte com validade mínima de 6 meses (contando a data de volta da viagem).

VACINAS: Orientações ao Viajante: É importante conhecer, com antecedência da sua viagem, os cuidados que devem ser tomados com a saúde. Recomendamos acessar o site da ANVISA onde poderá encontrar mais informações no portal do viajante para todo Brasil: http://portal.anvisa.gov.br/servicos/viajantes

Internacional: Onde pode ser solicitado a emissão do certificado internacional da Vacina Contra Febre Amarela http://portal.anvisa.gov.br/certificado-internacional-de-vacinacao-ou-profilaxia

Nome: Paulo Silvestrini
Data: 16/03/2016
Destino: Pacotes para o Chile – Pacote de Viagem para Patagônia Chilena
Mensagem: Oi Ariane,
Deu tudo certo! Vcs mandaram bem! O Patagônia camp não é pra qualquer um (eu adorei!) São barracas mesmo, muito confortáveis, mas quando venta ( e venta muito) ou chove podem ser muito barulhentas. E o hotel é fora do parque( um pouco longe). Eu me arrependi de nao ter alugado um carro, vc fica meio refem deles. Uma vez perguntei se me levariam a um restaurante no parque e queriam me cobrar 250 dólares só ida! Também empurram passeios q nao sao no parque, mas em fazendas deles(nao é pra isso q a gente vai lá!). O parque é muuuito mais legal. Mas o atendimento no hotel é maravilhoso, a comida incrível, os guias ótimos. Fazem de tudo pra vc ficar feliz. Eu voltaria (porem alugando um carro em puerto natales, que aliás vale um passeio). Recomendo demais a navegação e o passeio de caiaque no lago Grey( não inclusos no pacote). O parque é tudo q falam dele, é incrível mesmo e muito, muito lindo. Super recomendado. Foi uma ótima experiência!! Até a próxima Paulo