Pacote de viagem para
Omã

Roteiros inicio

O nome oficial é Sultanato de Omã, uma nação localizada na Arábia, na área do extremo oriente da Península Arábica. A capital do país é Mascate. A formação do Omã se dá através de três regiões descontínuas. Os 2 territórios menores, situados na área dos Emirados Árabes, são formados pela Península de Musandam, pelo Enclave de Madha e alguns territórios contíguos. A área territorial maior tem limite com o Golfo de Omã ao norte, com o Mar da Arábia ao sul e ao leste com o Iémen, Emirados Árabes e Arábia Saudita ao oeste. No caso do enclave de Gwadar, com localização na costa norte do Paquistão, Baluchistão e golfo, até o ano de 1958 ainda era dependente do sultanato de Omã.

A cultura da região islâmica é igualmente expressiva e as paisagens são cativantes. Destino conhecido pelos turistas do continente, em Omã o Turismo ocupa uma parcela significativa na economia e os habitantes locais costumam ser bastante acolhedores (uns dos mais hospitaleiros do mundo!) com os visitantes estrangeiros. Há uma gama de passeios: viagem para o deserto, passeio em uma fortaleza de 1.000 anos ou ir à uma ilha com areia branca e água azul cristalina.

Melhor Época de Viagem para Omã

Novembro a Março (inverno) são os meses mais frescos e ideais para as visitas ao ar livre. Na região costeira é quente e úmido o que aumenta desconforto e no interior no verão pode passar dos 50ºC.  Os ventos fortes que podem formar as tempestades de areias conhecidas como Shamal, podem ocorrer em qualquer época mas é mais frequente entre  Março e Agosto.

Roteiros de viagem para Omã

Sultanato de Omã e Dubai

Periodo:
14 Dias | Até Mar 2018
A partir de:
US$ 6.610,00

Sultanato de Omã – A Rota do Incenso

Periodo:
12 Dias | 7 a 18 Nov 2018
A partir de:
U$ 6.930,00

Maldivas e Península de Musandam by Six Senses

Periodo:
9 Dias | Até 29 Out 2018
A partir de:
U$ 5.400,00

IDIOMA OFICIAL: Árabe
MOEDA : Rial Omanense
CAPITAL: Muskat
FUSO HORÁRIO: +7h00 horas em relação ao horário de Brasília
VOLTAGEM ELÉTRICA: 230V
CÓDIGO TELEFÔNICO: +968

DICAS DE VIAGEM
Gastronomia: A gastronomia de Omã possui influencias árabe e indiana, portanto seus pratos são compostos em sua maioria por carnes, legumes e grãos, além das fabulosas sobremesas. Alguns pratos tradicionais da região não podem deixar de ser experimentados, como é o caso do Harees, que é um prato de papa de trigo, geralmente cozida com frango ou carne; Shuwa, uma carne assada em um forno especial; Shawarma, um sanduíche enrolado no pão árabe com carne marinada de frango ou cordeiro, com pasta de alho, picles e batata frita dentro; Qabuli, carne de cordeiro, boi, frango ou bode misturado com o arroz; Basmati, uva passas, canela, pimenta do reino e grão de bico e Biriyani, feito de arroz com curry, cardamomo, passas e pimenta, às vezes servido com um molho à base de iogurte ou de tomate. Em questão das sobremesas, o Halwa, feito com água de rosas e açúcar, aromatizado com amêndoas e cardamomo, é bastante tradicional e gostoso. Ao final, um café árabe e tâmaras para acompanhar, símbolos da hospitalidade do país.

Cultura: Desde meados de 1970, Qaboos bin Said Al Said é o sultão de Omã e durante os anos conseguiu transformar e modernizar o país. Em Omã não há prédios futuristas, mas suas paisagens naturais não deixam a desejar, com mares, montanhas, oásis, cânions, praias e desertos. Omã é considerado o país mais tolerante do Oriente Médio e seu povo, os omanis, em sua maioria são bastante abertos com os turistas e estão sempre aptos a ajudar. Em questão da vestimenta, não há certo e errado. Para andar nas ruas de Omã não é necessário cobrir as pernas e os ombros, exceto nas mesquitas, mas é sempre bom ter bom senso.

Principais atrativos: Forte de Khasab, Wadi Shab, Bimmah Sinkhole, Quryat, Souk Mutrah, Mesquita Sultan Qaboos, Wadi Bani Khali, Castelo de Jabreen (ou Jibreen), Praia Qurum, Muttrah Souq, Rub al-Chali, Bahla, Corniche, Jebel Akhdar, Museu Nacional de Omã.

Passeios imperdíveis: visitar o mercado tradicional Muttrah Souq, ver o pôr-do-sol na Royal Opera House, visitar a Mesquisa Sultan Qaboos, dar um mergulho em Bimmah Sinkhole, conhecer praias, comprar incensos, perfumes tracionais e lenços.

Segurança: Pouco se ouve falar de roubos e furtos em Omã, mas por estar perto de países conflitantes, é sempre bom andar em lugares mais turísticos e com movimentação, e prestar atenção como em qualquer outro lugar.

Importante:
– Os ventos fortes que trazem as tempestades de areia, chamadas de shamal, podem ocorrer durante o ano todo, mas é mais comum no verão e primavera, de Março até Agosto.
– Existe apenas 1 linha de ônibus que não cobre a cidade toda, não possui um horário definido para passar em cada ponto.
– Uma dica para pegar táxi é negociar um valor justo com o motorista antes de iniciar a corrida, não deixe para perguntar o valor no final da corrida.
– Bebidas alcóolicas são vendidas apenas em lugares específicos que possuem licença.
– Vida noturna em Omã não é muito comum.

DOCUMENTOS:
* Passaporte com validade mínima de 6 meses contados a partir da data de embarque, com mínimo de 3 folhas em branco lado a lado (ainda assim alguns países exigem um maior número de folhas em branco).
* É obrigatória a obtenção de visto, consulte : https://evisa.rop.gov.om/
– Outros vistos: dependendo dos países de conexão ou escala utilizados na rota dos voos reservados, outros vistos poderão ser exigidos.
– Menores de 18 anos viajando desacompanhados – autorização por semelhança* de pai e mãe, com firma reconhecida em 3 vias (para menores viajando sem a presença do pai e da mãe ou acompanhados por terceiros maiores e capazes). A mesma regra aplica quando acompanhados por apenas um dos pais, autorização por semelhança* do genitor que não viajará.
* Firma reconhecida por semelhança: significa que a assinatura de ambos os pais no documento de autorização pode se dar por meio do reconhecimento de firma já registrada em cartório.

VACINAS :
– É obrigatória a apresentação do Certificado Internacional de Vacinação contra Febre Amarela emitido com pelo menos 10 dias antes do embarque. Consulte o país de destino (http://www.anvisa.gov.br/viajante/)
– Verifique o procedimento para a emissão do Certificado (http://portal.anvisa.gov.br/certificado-internacional-de-vacinacao-ou-profilaxia)

Importante :
– Aeroportos NÃO aplicam a vacina, somente emitem o Certificado e mediante comprovação da aplicação da dose inteira.
– A documentação de viagem é de responsabilidade dos passageiros e devem ser reconfirmadas junto aos Consulados e Cia. Aérea a cada viagem.