Pacote de viagem para
Namíbia

Melhor época Maio a Outubro
Roteiros inicio

A Namíbia, um país do continente africano, é praticamente um imenso deserto, ou melhor, uma coletânea deles que geralmente atrai ecoturistas para experimentar os climas diferentes e variados, além de paisagens geográficas naturais como o Deserto da Namíbia e as planícies orientais que aguçam a visão com suas cores e texturas. O país oferece opções de safári onde o turista vive experiências radicais com segurança e sem abrir mão do conforto em meio a exuberante natureza local.

Melhor Época de Viagem para Namíbia

A melhor época para viajar à Namíbia é durante a estação fresca e seca entre os meses de Maio e Outubro. Os dias são quentes e ensolarados, mas as noites são bem frias, vá preparado!

Roteiros de viagem para Namíbia

Belezas da Namíbia

Periodo:
9 Dias | Até Dez 2018
A partir de:
U$ 2.465,00

Fly & Drive – Paisagens da Namíbia

Periodo:
15 Dias | Até Out 2018
A partir de:
U$ 5.164,00

Safári, Dunas e Deserto

Periodo:
11 Dias | Até Nov 2018
A partir de:
U$ 7.701,00

Safári Aéreo na Namíbia

Periodo:
6 Dias | Até 20 Dez 2018
A partir de:
U$ 15.385,00

Grupo Viaje Comigo – Namíbia de Norte a Sul

Periodo:
10 Dias | Setembro
A partir de:
U$ 3.760,00

Belezas da Namíbia com Deserto do Kalahari

Periodo:
10 Dias | Jan a Out 2019
A partir de:
U$ 3.470,00

Expedição Fotográfica na Namíbia com André Dib

Periodo:
10 Dias | 05 a 14 Ago 2019
A partir de:
U$ 4.750,00

Sul da Namíbia e África do Sul

Periodo:
7 Dias | Até Out 2018
A partir de:
U$ 1.512,00

IDIOMA OFICIAL : Inglês, Africâner, Alemão e Línguas Regionais
MOEDA : Dólar Namibiano
FUSO HORÁRIO: + 5horas em relação ao horário de Brasília
CAPITAL : Windhoek
VOLTAGEM : 220v
CÓDIGO TELEFÔNICO: +264

DICAS DE VIAGEM

Gastronomia: a base dos principais pratos na Namíbia é muito parecida com a da Sul-Africana, regadas a influências de diversas tribos locais e povos como asiáticos como o curry que está presente em um dos condimentos mais usados. Carnes vermelhas e peixe também são muito apreciados. A influência alemã fortemente presente está nos restaurantes de Windhoek e na cerveja preparada com cevada maltada, lúpulo e água, segundo a lei alemã de pureza “Reinheitsgebot”. Um prato exótico comum no norte da Namíbia é o Mopane Worn, a base de lagartas de uma espécie de mariposa, mas dispensa maiores detalhes.

Cultura: o idioma Africâner é o mais falado devido à forte influência sul-africana, mas muitas outras línguas tribais são praticadas. O rúgbi e o críquete são os esportes mais populares devido a influência europeia. Principalmente a cultura alemã é muito presente, facilmente notada na arquitetura histórica de construções e detalhes das janelas e torres em cidades como Lüderitz e Swakopmund.

Principais atrativos : Fish River Canyon, o segundo maior cânion do mudo depois do Grand Canyon nos Estados Unidos, as famosas dunas avermelhadas que podem chegar a 300metros em Sossusvlei, safáris no Parque Nacional do Etosha e em Damaraland e o deserto de bosques petrificados,  Swakopmund no litoral para ver fauna marinha e se refrescar um pouco do deserto. Spitzkoppe, um conjunto de montanhas em meio ao deserto com formações de mais de 700milhoes de ano e pinturas rupestres.

Passeio exótico: Reserva de Okonjima localizado no Platô Waterberg Park, casa do AFRICAT, uma Associação que protege a conservação das chitas e leopardos. Aqui poderá vivenciar o dia de um San Bushman. Pode também conhecer a tribo Himba, um grupo étnico semi-nômade cuja principal característica é o tom avermelhado da pele devido ao uso de uma pasta de gordura, manteiga e ocre vermelho que passam no corpo e as mulheres em suas tranças.

Segurança: um dos maiores países do continente pede um planejamento prévio de viagem, já que os atrativos não estão concentrados em uma única região. Deslocamentos por longas distâncias às vezes exige um 4×4 e temperaturas acima de 40°C podem causar desgastes físicos desnecessários. Contrate um seguro de assistência de viagem, principalmente em necessidade de acionar cuidados médicos.

DOCUMENTOS:
– Brasileiros não necessitam do visto de Turismo para Namíbia desde que a visita não ultrapasse 90 dias. Condições no Portal Consular do Itamaraty : http://www.portalconsular.itamaraty.gov.br/tabela-de-vistos-para-cidadaos-brasileiros
– Passaporte original com validade mínima de 6 meses (contando a data de volta da viagem) e 6 páginas em branco.
– Outros vistos: dependendo dos países de conexão ou escala utilizados na rota dos voos reservados, outros vistos poderão ser exigidos.
– Menores de 18 anos viajando desacompanhados – autorização por semelhança* de pai e mãe, com firma reconhecida em 3 vias (para menores viajando sem a presença do pai e da mãe ou acompanhados por terceiros maiores e capazes). A mesma regra aplica quando acompanhados por apenas um dos pais, autorização por semelhança* do genitor que não viajará.
* Firma reconhecida por semelhança: significa que a assinatura de ambos os pais no documento de autorização pode se dar por meio do reconhecimento de firma já registrada em cartório.

VACINAS:
– É obrigatória a apresentação do Certificado Internacional de Vacinação contra Febre Amarela emitido com pelo menos 10 dias antes do embarque. Consulte o país de destino (http://www.anvisa.gov.br/viajante/)
– Verifique o procedimento para a emissão do Certificado (http://portal.anvisa.gov.br/certificado-internacional-de-vacinacao-ou-profilaxia)
– Recomendável também tomar as vacinas contra Hepatite A, Tétano e Febre Tifoide.

Importante :
– Aeroportos NÃO aplicam a vacina, somente emitem o Certificado e mediante comprovação da aplicação da dose inteira.
– A documentação de viagem é de responsabilidade dos passageiros e devem ser reconfirmadas junto aos Consulados e Cia. Aérea a cada viagem.