Adventure Club
+55 11 5573-4142

Trekking no Butão

Permanência 10 dias
Período Até Out 2022
Detalhes inicio
Saída: Saídas diárias
Valores Incluem: Parte terrestre por pessoa (consulte-nos para parte aérea)
A partir de: U$ 3.120,00 Solicitar Cotação

Aproveite a oportunidade de conhecer as principais cidades do Butão, também conhecido como “A Terra do Dragão”. Um país de vastas florestas, monastérios venerados, fortalezas avassaladoras em meio da imensidão da Cordilheira do Himalaia. Inicie esse roteiro pela capital do Butão, Thimpu. Uma pequena cidade localizado a quase 3000m de altitude que encanta a todos pelos seus monastérios, dzongs e palácios. Segundo para Punakha, a antiga capital do Butão, famosa por seu clima acolhedor.
Finalizando em Paro, que abriga o imponente monastério Taktsang, que signica “Ninho do Tigre”, localizado em um penhasco de granito de 800m acima do Vale de Paro.
Surpreenda-se com esse país de imena riqueza natural e cultural.

  • butao-galeria-2
  • proibido-consumir-e-comercializar-cigarro-butao-galeria
  • butao-5
  • ritual-monge-trashigang-butao-2
1o
DIA

Origem / Paro

Chegada ao Aeroporto de Paro, traslado até o hotel.
Resto do dia livre para visitar a cidade.
Pernoite em Paro.

Incluso:Jantar
2o
DIA

Tigers Nest - Trekking (4-5hrs.)

O mosteiro Tiger’s Nest”, o mais famoso dos mosteiros do Butão, está  localizado ao lado de um penhasco de 900m acima do fundo do vale. Diz-se que no século VIII o Guru Rinpoche andou, nas costas de uma tigresa, do leste do Butão até este lugar e meditou em uma caverna aqui por 3 meses, daí o seu nome, “Ninho do Tigre”.
Pernoite em Paro.

Incluso:Café da manhãAlmoçoJantar
3o
DIA

Paro – Jele Dzong (8km, 4-5hrs)

Ganho de altitude – 1068 m, perda de altitude – 82 m
Encontramos nossa equipe de trekking e os cavalos acima do Ta Dzong. A caminhada de hoje sobe 1065m, antes de descer mais de 80km para o acampamento. Este é um grande esforço nesta altitude. A trilha serpenteia abruptamente pela floresta de pinheiros azuis e em torno de várias casas de fazenda e pomares de maçã cercados. Após cerca de 1 hora de escalada constante, haverá belas vistas sobre o vale de Paro. Visível acima é
JeleDzong, localizado no topo do cume e surpreendentemente próximo. A 2.995 m, após 2h trekking, o percurso passa por uma longa parede de mani em um grande campo gramado plano. A trilha continua subindo através da floresta. Pouco antes de alcançar a pequena passagem (3.518 m) abaixo do Dzong, a rota
abre um pouco. O pequeno acampamento desta noite (3.436 m) fica um pouco abaixo da passagem. Pode estar frio aqui por conta do vento, que muitas vezes pega à tarde. Você pode ouvir os monges tocando instrumentos no Lhakhang durante uma de suas sessões de oração.
Pernoite em acampamento básico padrão.

Incluso:Café da manhãAlmoçoJantar
4o
DIA

JeleDzong – Jangchu Lhakhang (8km, 4-5hrs.)

Do acampamento, subida de volta ao cume e à pequena passagem que leva ao dzong (3.595 m). O vale a leste de Jele Dzong é Gidakom. Na aldeia de Gida existe um hospital onde tratava de lepra e tuberculose. Cerca de metade deste vale é de estradas florestais que acaba e fica bem perto do Dzong. No final do vale são vários lagos. Saindo do Dzong atravessando para o lado leste do cume. Suba e contorne um pequeno pico, 100m de subida até uma altitude de (3750 m). Olhando para trás, você vê parte do vale do Paro. Para ao sul, a cordilheira Dagala é visível (outra área de trekking). Após 3 o acampamento Jangchulhakhang é alcançado.

Incluso:Café da manhãAlmoçoJantar
5o
DIA

Jangchu Lhakhang – Simkota (15km, 6hrs.)

Hoje é um passeio interessante por florestas de coníferas e depois subida a uma passagem com grande vistas dos vales abaixo. Em dias claros, você vê excelentes vistas dos picos ocidentais. À medida que você vai mais alto
acima, passamos por campos de cebolas selvagens que crescem especialmente no final de maio-junho. Na passagem de Jangchula 3880 metros vemos o Lago Jimilangtso ao seu lado direito. O caminho bem trilhado que leva as montanhas vão para Lingshi. Para chegar ao acampamento, desça ao fundo do vale e depois ao lago. O lago tem muitas trutas. Pouco mais adiante, sem muitas subidas, é o Lago Janetso.
Pernoite no acampamento básico padrão.

Incluso:Café da manhãAlmoçoJantar
6o
DIA

SimkotaTsho – Phajoding – Thimphu (10km/5-6hrs.)

A trilha é boa, mas há sete pequenas subidas para pequenas passagens antes de você finalmente olhar para baixo para o Mosteiro de Phajoding e Thimphu. Os monges frequentemente passam por aqui a caminho de meditar no lago sagrado JimilangTsho.
Ao subir, o Butão Himalaia pode ser visto. A partir da passagem, suba 250m até um pequeno rochedo no lado esquerdo, tem uma vista incrível sobre todo o Himalaia do Butão. Depois disto a excursão desce um pouco, depois sobe para passar (4095m), e venta muito. Existe uma boa vista sobre a última parte da caminhada: uma descida íngreme ao mosteiro de Phajoding e, finalmente,
Thimphu.
Pernoite em Thimphu.

Incluso:Café da manhãAlmoçoJantar
7o
DIA

Thimphu Valley Exploration

Thimphu, talvez a capital mais incomum do mundo, é a sede do governo. Esta
movimentada cidade abriga a família real do Butão, e o serviço civil. É também a sede de uma série de instituições financiadas internacionalmente.
A visita de hoje incluirá:
Buddha Dordenma, Gagyel Lhundrup Weaving Centre, Chorten memorial, Zorig Chosum e Thangtong Dewachen Nunnery.

Incluso:Café da manhãAlmoçoJantar
8o
DIA

Thimphu – Punakha

Café da manhã no hotel. Saída com destino a Punakha, no caminho, visita ao Dochula Pass e, ao chegar a Punakha, visita  a Chimi Lakhang e Punakha Dzong.
No caminho para Punakha de Thimphu, o Dochula Pass oferece uma bela vista panorâmica de 360 graus da cordilheira do Himalaia, especialmente em dias claros de inverno.
Chimi Lhakhang ladeado por centenas de bandeiras de orações sentadas em uma colina redonda perto de Punakha. O mosteiro, construído em 1499, é dedicado ao Lama Drukpa Kinley, também conhecido como “O Divino Louco” ou “Mad Saint”. Ele também é o santo que defendeu o uso de símbolos de falo como pinturas nas paredes e falos de madeira esculpida nos topos das casas.
O majestoso Punakha Dzong, também conhecido como “o palácio da grande felicidade ou felicidade” é o segundo maior dzong no Butão. Construído no oitavo dia e oitavo mês do ano do boi do fogo em 1673, o Punakha dzong era o centro administrativo e a sede do governo do Butão até 1955, quando a capital foi transferida para Thimphu.
Transfer ao seu hotel e jantar.

Incluso:Café da manhãAlmoçoJantar
9o
DIA

Punakha – Paro

Café da manhã no hotel. Saída com destino a Paro. Chegada e visita ao Museu Nacional e Paro Dzong.
O Museu Nacional do Butão é um edifício circular único, também conhecido como Ta-dzong, que é uma antiga torre de vigia acima do Paro Dzong.
Paro Dzong, também conhecido como Ringpung Dzong significa “Fortaleza em uma pilha de jóias”. Este dzong impressionante é o melhor exemplo da arquitetura butanesa e é um dos mais populares e bem conhecidos dzongs no Butão.

Pernoite: Paro

Incluso:Café da manhãAlmoçoJantar
10o
DIA

Paro / Origem

Café da manhã no hotel. Em horário apropriado, transfer ao Aeroporto.

Incluso:Café da manhã

VALORES PARTE TERRESTRE POR PESSOA (EM DÓLAR)

HospedagemQuádruploTriploDuploSingleCHDValidade
consultar DetalhesU$ 2.500,00U$ 3.120,00U$ 3.270,00Agosto 2022
consultar DetalhesU$ 2.800,00U$ 3.737,00U$ 3.890,00Set até Out 2022

– adicional de U$ 365,00 para single superior

OS VALORES E DISPONIBILIDADES DOS PROGRAMAS CONTIDOS NESTE SITE DA ADVENTURE CLUB ESTÃO SUJEITOS A ALTERAÇÕES. (181)

Formas de Pagamento: 

À vista: PIX ou transferência bancária
Cartão de crédito: entrada de 30% + saldo em até 3x sem juros

Inclui:
– Transfers de chegada e saída entre Aeroporto – Hotel – Aeroporto (Privativo – Inglês);
– Guia em Inglês durante os passeios;
– Passeios e visitas conforme mencionado no roteiro (Privativo – Inglês);
– Almoço em resturantes locais (sem bebida);
– Taxa de Visto para entrada no Butão;
– Taxa de turismo locais
– duas garrafas de água (500 ml) por dia por pessoa

Não Inclui:
– Passagem aérea internacional e taxas de embarque;
– Bebidas durante as refeições;
– Gorjetas;
– Despesas pessoais;

HOSPEDAGENS:

Paro: Eye of the Tiger or Tenziling or Udumwara or Olathang or Namsaycholing (ou similar)
Punahka: Zangtopelri ou Khuru Resort ou Damchen, YT, Punatsangchu (ou similar)
Thimphu: Riverview Hotel ou PhuntshoPelri ou Sernya (ou similar)

Fale por Whatsapp

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade e com os Termos de Uso.